Google+ Badge

sábado, 3 de setembro de 2016

NÃO ACEITAMOS GOLPE DE ESTADO PARLAMENTAR NO BRASIL VAMOS LUTAR PELA DEMOCRACIA E DEFENDER A NOSSA CONSTITUIÇÃO


















O Presidente que assumiu o Governo do Brasil através de um Golpe de Estado Parlamentar foi delatado segundo a vice-procuradora da República Ela Wiecko que renunciou na noite desta terça-feira (30), após dizer, em entrevista à Veja, que o interino Michel Temer (PMDB) está sendo delatado na Lava Jato e, por isso, ela não vê com bons olhos que o peemedebista assuma a cadeira conquistada por Dilma Rousseff na eleição de 2014. Eu repito aqui Presidenta Legítima do povo brasileiro é Dima Rousseff que derrotou nas urnas em 2010 José Serra e em 2014 Aécio Neves e hoje é vítima de um Golpe de Estado Parlamentar planejado pela oposição derrotada e associada ao Deputado Eduardo Cunha que foi denunciado no STF por ter contas ilegais na Suíça com dinheiro desviado da Petrobras e ele comanda mais de 200 deputados no Congresso Nacional e foi ele o responsável por aceitar um processo falso com um parecer falso escrito por uma advogada que recebeu 45 mil reais "valor simbólico" e que provavelmente sofre de surto psicótico e nunca pensou no futuro dela e muito menos no futuro dos netos de ninguém neste país e também tenho que repetir que o Michel Temer não manda nada não governa ninguém é um inútil que apenas obedece as orientações e as ordens de Eduardo Cunha e todos devem saber que o apelido de Michel Temer entre os políticos é Mordomo porque ele em épocas passadas sempre serviu de Mordomo literalmente a JOSÉ SARNEY e aos barões da mídia que também queriam a Presidenta fora do Governo... nós brasileiros vivemos em uma democracia e vamos defender o nosso voto e a nossa Constituição e temos o nosso direito a livre manifestação e a liberdade de expressão garantido pela Constituição ... o povo brasileiro não votou e não votaria em Michel Temer na sua forma de governar e no seu projeto de governo e ninguém confia em um Golpista que traiu a sua própria companheira de chapa e provavelmente vai trair o próprio país.


O controle sobre a política monetária brasileira e a reforma macroeconômica eram os objetivos últimos do golpe de Estado.

As nomeações principais do ponto de vista de Wall Street são o Banco Central, que domina a política monetária e as operações de câmbio, o Ministério da Fazenda e o Banco do Brasil”,
Michel Temer nomeou um ex-CEO de Wall Street (com cidadania dos EUA) para dirigir o Ministério da Fazenda”, diz o artigo, referindo-se a Henrique Meirelles que tem dupla cidadania Brasil-EUA.

Já o atual presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn, nomeado por Temer em 16 de maio, tem dupla cidadania Brasil-Israel

Ele tem estreitos laços pessoais com o prof. Stanley Fischer, atualmente vice-presidente do Federal Reserve dos EUA [além de ex-vice-diretor do FMI e ex-presidente do Banco Central de Israel].

Por isso quando Dilma Rousseff aponta um nome não aprovado por Wall Street para a presidência do Banco Central os interesses financeiros externos se articulam aos interesses das elites brasileiras para mudar o quadro político no país usando uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta que forma um público tão vil como ela mesma e que deixou há muito de informar, para apenas seduzir, agredir e manipular.





FONTES INTERNACIONAIS PESQUISADAS 

https://richardedmondson.net/2016/08/31/coup-in-brazil-rousseff-impeached-by-senate/

http://www.globalresearch.ca/wall-street-behind-brazil-coup-d-etat/5526715

http://www.mondialisation.ca/le-changement-de-regime-au-bresil-est-officiel-coup-detat-moderne-a-la-bresilienne-ou-a-la-wall-street/5520578

https://richardedmondson.net/2016/08/31/coup-in-brazil-rousseff-impeached-by-senate/

JOSEPH PULITZER ( 1847 - 1911 ) E MILLÔR FERNANDES ( 1925 - 2012 )


Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMENTE AQUI