domingo, 10 de abril de 2016

ELEIÇÃO É DE QUATRO EM QUATRO ANOS SEGUNDO AS NOSSAS LEIS POR FAVOR AVISEM O CONGRESSO



Eu estava pensando já em 2018 e imaginando se algum candidato da oposição fosse eleito se acontecer um Golpe de Estado agora em 2016... com toda a certeza o Presidente eleito da oposição não teria paz nenhuma para Governar o país porque a esquerda que seria a nova oposição não o deixaria em paz e a cada escândalo que acontecesse envolvendo políticos de seu partido novamente haveriam protestos pedindo um novo golpe ou impeachment e a oposição organizaria movimentos iguais aos que a oposição de hoje financia e promove e isto seria inevitável e certamente é o que vai acontecer se o STF ou o Senado não colocarem Ordem aqui no meu país porque não existe nenhuma justificativa jurídica legal para o Impeachment e não houve nenhum crime cometido pela nossa Presidente e todos sabem disto... o que querem fazer com o Brasil? acabar com a Democracia? mudar o regime presidencialista para o parlamentarismo? querem levar o país ao caós? ou querem acabar com a Petrobras e para isto tem que assumir o Governo para poder privatiza-la?! eu não sei o que passa na cabeça destes parlamentares mas acredito que seja uma vingança cega e estúpida! desculpem a minha franqueza mas esta é a nossa realidade... um comentarista da Rede Globo falou que o Impeachment é um julgamento Político e não jurídico e acontece quando a Presidente perde o apoio dos parlamentares!!!! eu não sei de onde ele tirou isto!!! será que o presidente da câmara dos deputados mudou a lei do Impeachment também em algum sessão secreta durante a madrugada ou este comentarista da Globo ficou doido? segundo a nossa Constituição o Impeachment ocorre e é juridicamente legal quando existe algum crime de responsabilidade e isto não aconteceu e então o caso de Impeachment é ilegal e soa como Golpe e não posso admitir isto de forma alguma... espero que os nossos deputados pensem em 2018 e acabem com esta palhaçada porque o Brasil não pode ficar parado por causa de uma vingança de um deputado.        

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMENTE AQUI