sábado, 26 de dezembro de 2015

UMA MISSÃO TRIPULADA AO PLANETA MARTE EM 1979 (O PROGRAMA ESPACIAL SECRETO DA NASA)



Em 1854, William Whewell, um membro da universidade de Trinity College, Cambridge, quem popularizou a palavra cientista,[2] teorizou que Marte tinha mares, terras e possíveis formas de vida. Especulações sobre vida em Marte eclodiram ao final do século 19, devido às observações telescópicas feitas por alguns observadores que aparentemente notavam a existência de canais—., em 1895 o astrônomo australiano Percival Lowell publicou seu livro "Marte", seguido por "Marte e seus canais" em1906,[3] propondo que os canais eram obra de alguma civilização avançada extinta havia muito tempo.


As calotas polares de Marte foram observadas ainda na metade do século 17. Pelas observações de William Herschel ao final do século 18, ficou provado que cresciam e encolhiam alternadamente, no verão e inverno de cada hemisfério. Na metade do século 19, os astrônomos já concebiam algumas similaridades de Marte com a Terra, por exemplo, a duração do dia era bem próxima à da Terra. Também já tinham consciência de que a inclinação axial também era similar à da Terra; o que significava que Marte tinha estações da mesma forma que a Terra - entretanto com quase o dobro de duração, devido ao seu ano bem mais extenso. Tais observações levaram ao aumento de especulações de que as discrepâncias de albedo poderiam indicar que onde o albedo era mais escuro, seria a área de existência de água, nos mais claros terra. Portanto era natural supor que Marte teria condições de abrigar alguma forma de vida.







 "Teoria fantasiosa" Embora fantasiosa, a hipótese levantada por Shklovsky e defendida por Sharples ainda hoje encontra admiradores por todo o mundo. Na mesma época da publicação destes estudos, outros astrônomos e intelectuais soviéticos apoiaram o ponto de vista de Shklovsky, com a ressalva de que tais luas teriam sido “lançadas” pelos habitantes de Marte mais ou menos entre 1680 e 1870, pois somente em 1877 elas tinham sido descobertas. Vale lembrar que mesmo naquela época já se dispunham de meios tecnológicos suficientes para uma observação detalhada das órbitas planetárias e as luas nunca haviam sido detectadas. Ainda que seja - grande a especulação formada em torno das origens destes dois corpúsculos planetários, é quase certa que ela não está ligada ao choque de um asteróide na superfície de Marte. Isso foi revelado depois de terminadas as análises que detectaram uma diferença muito grande na composição química das superfícies de ambos os corpos. A tese mais aceita hoje em dia é que eram corpos celestes errantes, formados numa região exterior ao cinturão de asteroides, numa área entre Marte e Júpiter, que por alguma perturbação ainda não estudada entraram em rota de colisão com Marte. Porém, em vez de se chocarem, as luas teriam sido presas em sua órbita. O ponto em comum entre os cientistas é que, por diferirem demais de todos os corpos já estudados do Sistema Solar, Phobos e Deimos podem ter sido formados em uma época bem distinta em relação às outras luas e planetas. Por exemplo, estes são os corpos mais escuros do Sistema Solar, pois não refletem mais do que cinco por cento de toda a luz recebida do Sol. Outra situação estranha foi a ocorrida em meados de 1988, quando a sonda soviética Phobos 2 bombardearia com raios laser a superfície das luas para a captação de dados sobre a existência de substâncias como água ou carbono, elementos geradores de vida orgânica. Estranhamente, após algumas interferências em suas atividades, a sonda desapareceu sem deixar vestígios.







De acordo com declarações de um ex funcionário  NASA não havia segredo missão tripulada a Marte em 1979. Existia a evidência que prova que existia um programa espacial secreto (o mesmo programa ainda existe).

De acordo com o 'Jackie', enquanto trabalhava como parte da telemetria descarga equipe da Viking Lander, ela viu ajuste pé humano na superfície do planeta vermelho por meio de uma transmissão ao vivo de Marte.

Em uma entrevista com Coast-to-Coast AM, Jackie falou sobre os seres humanos em Marte, algo que tem sido discutido entre outras supostas funcionários da Nasa por anos.



"Gostaria de saber se você poderia resolver um mistério de 27 anos de idade para mim", ela perguntou o apresentador. "Aquele velho rover Viking estava correndo ao redor.

"Então eu vi dois homens em trajes espaciais - e não os atende às volumosas que normalmente usados, mas eles pareciam protetora. Eles vieram ao longo do horizonte caminhando para a Viking Explorer. '

Enquanto a NASA não tem nenhum incômodo falando sobre as supostas histórias em que a humanidade já tinha posto os pés em Marte, há outros que acreditam que Jackie está falando a verdade e a humanidade tem estado em Marte há mais de 30 anos.

A sonda Viking 1 e 2 do foram lançados em 1970 e estavam entre as primeiras missões oficiais para explorar o planeta vermelho.

"Oficialmente, o navio de desembarque dois Viking pousou em Marte em 1976, mas de acordo com este ponto de vista que foram criados em um local remoto do deserto e Jackie acidentalmente viu um feed revelando esta falsidade.

"As missões são falsos para esconder a atividade real acontecendo no espaço exterior, o que poderia incluir a colaborar com os estrangeiros que já vivem em Marte."

Mas Jackie não é o único a sugerir algo esta controversa.

De acordo com afirmações de um oficial aposentado conhecido como Capitão Kaye (pseudônimo), não só têm os seres humanos tornou a Marte no passado, mas temos desenvolvido um programa espacial secreto e existe uma frota que opera no espaço. Parece que há duas versões que estão sendo filtradas para a sociedade quando se trata de espaço, Marte e arquivos confidenciais relativas a dois.

 A primeira é que nunca fomos  para Marte, há muito trabalho a ser feito e nossa tecnologia é ainda muito limitada.

A outra é exatamente o oposto, uma versão que várias pessoas têm apoiado ao longo da última década.

A questão aqui é, quem está dizendo a verdade?

E seria ridículo pensar que fizemos isso para Marte e colonizou o planeta vermelho graças a programas espaciais secretos?

De acordo com o Capitão Kaye, que é um ex-fuzileiro naval dos EUA, ele foi postada no planeta vermelho há anos e sua missão era proteger os cinco colônias humanas a partir de formas de vida indígenas em Marte.

De acordo com o Capitão Kaye, não só ele passar anos em Marte, mas ele também serviu a bordo de um veículo espacial gigante por três anos.



Em 20 de junho de 1977 ,a rede de televisão inglesa Anglia transmitiu um documentário denominado ALTERNATIVA 3. O programa apresentado como parte de uma série regular chamada Science Report [Relatório Cientifico], começou anunciando que sua intenção original seria transmitir um show diferente mas algo saiu errado. A finalidade inicial era realizar um documentário sobre o fato de que grandes cientistas britânicos estariam deixando o país ,atendendo a propostas para ganhar melhores salários e condições de trabalho.Porém ,ao longo das investigações para o show,a equipe da emissora teria descoberto que muitos cientistas não estavam deixando o país ,mas sim desaparecendo da face da Terra. Esses supostos desaparecimentos levaram os repórteres a investigar cada vez mais, até descobrir uma vasta e global conspiração que envolveria a alta cúpula dos governos dos Estados Unidos e da ex Urss. Aparentemente, a partir de 1950 , os cientistas das duas potências teriam chegado a conclusão de que a Terra devido as ações humanas , estaria a caminho de uma inevitável catástrofe envolvendo o clima e o meio ambiente .isso resultaria na extinção certa de quase todas as formas de vida conhecidas , inclusive a própria humanidade .Assim os dois governos ,em conjunto .teriam somente três opções ou alternativas para planejar e colocar em pratica : Alternativa 1 –Reduzir drasticamente a população do planeta Terra a níveis considerados seguros .Alternativa 2- Construir imensas bases subterrâneas para abrigar o governo , militares e cientistas até que as crises estivessem estabilizadas .Alternativa 3 – Estabelecer uma colônia humana com as melhores e mais brilhantes representantes da raça ,de preferência na Lua ou no planeta Marte.

A Suposta realidade inevitável crise teria incitado os governos dos dois países a colaborarem para em conjunto ,transformar Alternativa 3 em realidade .Com entrevistas de supostos astronautas e cientistas ,o documentário da Anglia exibia evidencias de que EUA e URSS trabalhando com uma equipe, teriam chegado a Marte em 1961 e que o programa espacial APOLLO tinha sido somente um chamariz publicitário para esconder o verdadeiro propósito dos numerosos lançamentos de foguetes pela Nasa .

Em 1957 efetuou-se um congresso que reuniu algumas das melhores cabeças cientificas ainda vivas naquele tempo. Tais [pretensos cientistas] chegaram a conclusão que logo após o ano 2000, o planeta se auto–destruiria devido ao aumento da população e por causa da exploração e poluição do meio ambiente, e isso se daria sem a intervenção dos extraterrestres e muito menos por causa de uma intervenção divina. “

“Por meio de uma ordem executiva secreta,o presidente David Eisenhower teria encomendado aos Jason Scholars [ou sociedade Jason] que estudassem a perspectiva de tais cientistas e elaborassem recomendações em cima das conclusões desses pretensos homens da ciência. Os Jason Scholars também elaboraram três saídas ou condutas a serem postas em prática, as chamadas Alternativas 1,2 e
3. c) “Alternativa 2” consistia em construir uma vasta rede de cidades subterrâneas ligadas por túneis, onde uma representação selecionada de cada cultura, com suas ocupações mais refinadas sobreviveria. Estas representações dariam continuidade ao gênero humano.

d) “Alternativa 3” pretendeu explorar a tecnologia dos extraterrestres hóspedes recentes dos Estados Unidos. Uns poucos homens bem escolhidos deixariam a Terra e estabeleceriam colônias no espaço exterior.


e) Todas as três alternativas, naturalmente incluíam o controle da natalidade, a esterilização de mulheres e homens, e a introdução de germes mortais; tudo isso para controlar o crescimento populacional da Terra, ou ao menos torna-lo mais lento.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMENTE AQUI