sábado, 5 de julho de 2014

ATENÇÃO GOOGLE ELES QUEREM ADMINISTRAR A SUA EMPRESA E SE ACHAM ACIMA DA LEI E SÃO ELES QUE ESTÃO CRIANDO PROBLEMAS

Segue abaixo uma lista dos Maçons, reimpressa com alguma atualização do Bulletin de l’Occident Chrétien Nr. 12, julho de 1976, (Directeur Pierre Faturada a Fye - 72490 Bourg  Le Roi.) Todos os homens nesta lista, caso sejam Maçons de fato, estão excomungados pela Lei Canônica 2338. O nome de cada um é seguido pela sua posição quando conhecida; a data em que se iniciaram na Maçonaria, o seu código #; e o seu nome de código se conhecido. 
1.     Albondi, Alberto. Bispo de Livorno, (Leghorn). Iniciou-se em 05 de agosto de 1958; ID #7-2431.
2.     Abrech, Pio. Sagrada Congregação dos Bispos. 27/11/67; #63-143.
3.     Acquaviva, Sabino.  Professor de Religião na Universidade de Pádua. 03/12/69; #275-69.
4.     Alessandro, Padre Gottardi. (Endereçado como Doutor nos encontros maçônicos) Presidente de Fratelli Maristi. 14/06/59.
5.     Angelini, Fiorenzo. Bispo de Messenel, Grécia. Elevado a Cardeal em 1991. 14/10/57; #14-005
  Fiorenzo Angelini
6.     Argentieri, Benedetto. Patriarca da Santa Sé . 11/03/70; #298-A
7.     Bea, Augustin. Cardeal. Secretário de Estado (depois do Papa na hierarquia) sob Papa João XXIII e Papa Paulo VI.
  Augustin Bea
8.     Baggio, Sebastiano. Cardeal. Prefeito da Sagrada Congregação dos Bispos. (Esta é uma Congregação crucial, visto que é ela que aponta os novos Bispos). Secretário de Estado sob Papa João Paulo II de 1989 a 1992. 14/08/57; #85-1640. Nome de código maçônico “SEBA”. Controla a consagração de Bispos.
9.     Balboni, Dante. Assistente Pontifical do Vaticano. Comissão para Estudos Bíblicos. 23/07/68; #79-14 “BALDA”.
10.  Baldassari, Salvatore. Bispo de Ravena, Itália. 19/02/58; #4315-19. “BALSA”.
11.  Balducci, Ernesto. Artista de esculturas religiosas. 16/05/66; #1452-3.
12.  Basadonna, Ernesto. Prelado de Milão, Itália. 14/09/63; #9-243. “BASE”.
13.  Batelli, Guilio. Membro leigo de muitas academias científicas. 24/08/59; #29-A “GIBA”.
14.  Bedeschi, Lorenzo. 19/02/59; #24-041. “BELO”.
15.  Belloli, Luigi. Reitor do Seminário, Lombardia, Itália. 06/04/58; #22-04. “BELLU”.
16.  Belluchi, Cleto. Bispo Assistente de Fermo, Itália. 04/06/68; #12-217.
17.  Bettazi, Luigi. Bispo de Ivera, Itália. 11/05/66; #1347-45. “LUBE”.
18.  Bianchi, Giovanni.  23/10/69; # 2215-11. “BIGI”.
19.  Biffi, Franco. Monsenhor Reitor da Igreja da Universidade Pontifícia S. João Latirão. Ele é a cabeça desta Universidade e controla o que está sendo ensinado. Ele ouvia confissões de Papa Paulo VI. 15/08/59. “BIFRA”.
20.  Bicarella, Mario. Prelado de Vicenza, Itália. 23/09/64; #21-014. “BIMA”.
21.  Bonicelli, Gaetano. Bispo de Albano, Itália. 12/05/59; #63-1428. “BOGA”.
22.  Boretti, Giancarlo.  21/03/65; #0-241. “BORGI”.
23.  Bovone, Alberto. Secretário Substituto do Sagrado Ofício. 30/03/67; #254-3. “ALBO”.
24.  Brini, Mario. Arcebispo. Secretário dos Chineses, Orientais e Pagãos. Membro da Comissão Pontifical Russa. Tem o controle da redação das Leis Canônicas. 07/07/68; #15670. “MABRI”.
25.  Bugnini, Annibale. Arcebispo. Escreveu a Missa Novus Ordo. Enviado a Irã. 23/04/63; 1365-75. “BUAN”.
26.  Buro, Michele. Bispo. Prelado da Comissão Pontifical para América Latina. 21/03/69; #140-2. “BUMI”.
27.  Cacciavillan, Agostino. Secretariado do Estado. 06/11/60; #13-154.
28.  Cameli, Umberto. Diretor no Ofício dos Assuntos Eclesiásticos da Itália, em relação à educação da doutrina Católica. 17/11/60; #9-1436.
29.  Caprile, Giovanni. Diretor de Assuntos Civis Católicos. 05/09/57; #21-014. “GICA”.
30.  Caputo, Giuseppe. 15/11/71; #6125-63. “GICAP.
31.  Casaroli, Agostino. Cardeal. Secretário do Estado (depois do Papa) sob Papa João Paulo II desde 1 de julho de 1979 até aposentadoria em 1989. 28/09/57; #41-076. “CASA”.
  Agostino Casaroli
32.  Cerruti, Flaminio. Chefe de Ofício da Universidade de Estudos da Congregação. 02/04/60; #76-2154. “CEFLA”.
33.  Ciarrocchi, Mario. Bispo. 23/08/62; #123-A. “CIMA”.
34.  Chiavacci, Enrico. Professor de Teologia Moral, Universidade da Florença, Itália. 02/07/70; #121-34. “CHIE”.
35.  Conte, Carmelo. 16/09/67; #43-096. “CONCA”.
36.  Cresti, Osvaldo. 22/05/63; #1653-6. “CRESO”.
37.  Crosta, Sante. 17/11/63; #1254-65. “CROSTAS”.
38.  Csele, Alessandro. 25/03/60; #1354-09. “ALCSE”.
39.  Dadagio, Luigi. Núncio Papal para Espanha. Arcebispo de Lero. 08/09/67; #43-B. “LUDA”.
40.  D’Antonio, Enzio. Arcebispo de Trivento. 21/06/69; #214-53.
41.  De Bous, Donate. Bispo. 24/06/68; #321-02. “DEBO”.
42.  Del Gallo Reoccagiovane, Luigi. Bispo.
43.  Del Monte, Aldo. Bispo de Novara, Itália. 25/08/69; #32-012. “ADELMO”.  
44.   DrusillaItalia. 12/10/63; #1653-2. “DRUSI”.
45.  Faltin, Danielle. 04/06/70; #9-1207. “FADA”.
46.  Ferraioli, Giuseppe. Membro da Sagrada Congregação para Assuntos Públicos. 24/11/69; #004-125. “GIFE”.
47.  Franzoni, Giovanni.  02/03/65; #2246-47. “FRAGI”.
48.  Fregi, Francesco Egisto. 14/02/63; #1435-87.
49.  Gemmiti, Vito. Sagrada Congregação dos Bispos. 25/03/68; #54-13. “VIGE”.
50.  Girardi, Giulio. 08/09/70; #1471-52. “GIG”.
51.  Fiorenzo, Angelinin. Bispo. Título de Comendador do Espírito Santo. Vigário Geral de Hospitais Romanos. Controla fundo mútuo de hospital. Bispo Consagrado em 19/7/56; aderiu à Maçonaria em 14/10/57.
52.  Giustetti, Massimo. 12/04/70; #13-65. “GIUMA”.
53.  Gottardi, Alessandro. Procurador e Postulador Geral de Irmãos Maristas. Arcebispo de Trento. 13/06/59; #2437-14. “ALGO”.
54.  Gozzini, Mario. 14/5/70; #31-11. “MAGO”.
55.  Grazinai, Carlo. Reitor Do Seminário Menor do Vaticano. 23/07/61; #156-3. “GRACA”.
56.  Gregagnin, Antonio. Tribuno de Primeiras Causas para a Beatificação. 19/10/67; #8-45. “GREA”.
57.  Gualdrini, Franco. Reitor de Capranica. 22/05/61; #21-352. “GUFRA”.
58.  Ilari, Annibale.  Abade. 16/03/69; #43-86. “ILA”.
59.  Laghi, Pio. Núncio Apostólico, Delegado para Argentina, e depois para EUA, até 1995. 24/08/69; #0-538. “LAPI”.
60.  Lajolo, Giovanni. Membro do Conselho de Assuntos Públicos da Igreja. 27/07/70; #21-1397. “LAGI”.
61.  Lanzoni, Angelo. Chefe do Ofício da Secretaria do Estado. 24/09/56; #6-324. “LANA”.
62.  Levi, Virgillio (aliás Levine), Monsenhor. Diretor Assistente do Jornal Vaticano Oficial, L’Osservatore Romano. Administra a Estação de Rádio do Vaticano. 04/07/58; #241-3. “VILE”.
63.  Lozza, Lino. Chanceler da Academia S. Tomás de Aquino da Religião Católica em Roma. 23/07/69; #12-768. “LOLI”.
64.  Lienart, Achille. Cardeal. Grão Mestre Maçom. Bispo de Lille, França. Recruta maçons. Foi líder das forças progressivas no Concílio Vaticano II.
65.  Macchi, Pasquale. Cardeal. Prelado de Honra e Secretário Particular de Papa Paulo VI, até ser excomungado pelo mesmo por heresia. Foi reimpossado pelo Secretário do Estado Jean Villot, e feito cardeal. 23/04/58; #5463-2. “MAPA”.
66.  Mancini, Italo. Diretor da Sua Santita. 18/03/68; #1551-142. “MANI”.
67.  Manfrini, Enrico. Consultor Leigo da Comissão Pontifical da Arte Sagrada. 21/02/68; #968-C. “MANE”.
68.  Marchisano, Francesco. Prelado de Honra do Papa. Secretário da Congregação para Seminários e Universidades de Estudos. 04/02/61. “FRAMA”.
69.  Marcinkuns, Paul. Guarda-costas americano para o Papa impostor. De Cicero, Illinois. Mede 2 m. Presidente do Instituto para Treinos Religiosos. 21/08/67; #43-649. Chamado “GORILA”. Nome de código “MARPA”.
70.  Marsili, Salvatore. Abade da Ordem do S. Benedito de Finalpia perto de Modena, Itália. 02/07/63; #1278-49. “SALMA”.
71.  Mazza, Antonio. Bispo Titular de Velia. Secretário Geral do Ano Santo, 1975. 14/04/71; #054-329. “MANU”.
72.  Mazzi, Venerio. Membro do Conselho de Assuntos Públicos da Igreja. 13/10/66; #052-S. “MAVE”.
73.  Mazzoni, Pier Luigi. Congregação dos Bispos. 14/09/59; #59-2. “PILUM”.
74.  Maverna, Luigi. Bispo de Chiavari, Piemonte, Itália. Assistente Geral da Ação Católica Italiana. 03/06/68; #441-C. “LUMA”.
75.  Mensa, Albino. Arcebispo de Vercelli, Piemonte, Itália. 23/07/59; #53-23. “MENA”.
76.  Messina, Carlo. 21/03/70; #21-045. “MECA”.
77.  Messina, Zanon (Adele). 25/09/68; #045-329. “AMEZ”.
78.  Monduzzi, Dino. Regente para o Prefeito da Casa Pontifical. 11/03/67; #190-2. “MONDI”.
79.  Mongillo, Daimazio. Professor de Teologia Moral Dominicano, Instituto de Santos Anjos de Roma. 16/02/69; #2145-22. “MONDA”.
80.  Morgante, Marcello. Bispo de Ascoli Piceno à leste da Itália. 22/07/55; #78-3601. “MORMA”.
81.  Natalini, Teuzo. Vice Presidente dos Arquivos do Secretariado do Vaticano. 17/6/67; #21-44D. “NATE”.
82.  Nigro, Carmelo. Reitor do Seminário Pontifical de Estudos Maiores. 21/12/70; #23-154. “CARNI”.
83.  Noe, Virgillio. Cabeça da Sagrada Congregação da Adoração Divina. Ele e Bugnini pagaram 5 Ministros Protestantes e um Rabino judeu para criar a Missa Novus Ordo. 03/04/61; #43652-21. “VINO”.  
  Virgilio Noe
84.   Orbasi, Igino. 17/09/73; #1326-97. “ORBI”.
85.  Palestra, Vittorie. Ele é o Conselheiro Legal da Rota Sagrada do Estado Vaticano. 06/05/43; #1965. “PAVI”.
86.  Pappalardo, Salvatore. Cardeal. Arcebispo de Palermo, Sicília. 15/04/68; #234-07. “SALPA”.  
  Salvatore Pappalardo
87.  Pasqualetti, Gatorade. 15/06/60: #4-231. “COPA”.
88.  Pasquinelli, Dante. Conselho de Núncio de Madri. 12/01/69; #32-124. “PADA”.
89.  Pellegrino, Michele. Cardeal. Chamado “Protetor da Igreja” Arcebispo de Turim (onde se encontra o Santo Sudário). 02/05/60; 352-36. “PALMI”.
90.  Piana, Giannino. 02/09/70; #314-52. “GIPI”.
91.  Pimpo, Mario. Vigário do Ofício de Assuntos Gerais. 15/03/70; #793-43. “PIMA”.
92.  Pinto, Monsenhor Pio Vito. Adido da Secretaria do Estado e Notare da Segunda Seção do Supremo Tribunal e da Assinatura Apostólica. 02/04/70; #3317-42. “PIPIVI”.
93.  Poletti, Ugo. Cardeal. Vigário da Santíssima Diocese de Roma. Controla os clérigos de Roma desde 06/03/73. Membro da Sagrada Congregação de Sacramentos e Adoração Divina. Ele é o Presidente dos Trabalhos Pontificais e Preservação da Fé. Também Presidente da Academia Litúrgica. 17/02/69; #32-1425. "UPO”.
94.  Ratosi, Tito. 22/11/63; #1542-74 “TRATO”.
95.  Rizzi, Monsenhor Mario. Sagrada Congregação de Ritos Orientais. Listado como “Bispo Prelado de Honra do Santo Padre, o Papa.” Trabalha sob chefe Maçônico Mario Brini na manipulação das Leis Canônicas. 16/09/69; #43-179. “MAR”, “MONMARI”.
96.  Romita, Florenzo. Estava na Sagrada Congregação dos Clérigos. 21/04/56; #52-142. “FIRO”.
97.  Rogger, Igine. Oficial da Santa Sé. (Diocese de Roma). 16/04/68; #319-13. "IGRO”.
98.  Rossano, Pietro. Sagrada Congregação de Religiões Não-Cristãs. 12/02/68; #3421. “PIRO”.
99.  Rotardi, Tito. 13/08/63; #1865-34. “TROTA”. 
100.  Rovela, Virgillio. 12/06/64; #32-14. “ROVI”.
101.  Sabbatani, Aurelio. Arcebispo de Giustiniana (Giusgno, Província de Milar, Itália). Primeiro Secretário da Suprema Assinatura Apostólica. 22/06/69; #87-43. "ASA”.  
  Aurelio Sabbatani
102.  Sacchetti, Giulio. Delegado de Governadores - Marchese. 23/08/59; #0991-B. “SAGI”.
103.  Salerno, Francesco. Bispo. Prefeito Atti. Ecles. 04/05/62; #0437-1. “SAFRA”.
104.  Santangelo, Francesco. Substituto Geral de Conselho de Defesa Legal. 12/11/70; #32-096. “FRASA”.
105.  Santini, Pietro. Vice Oficial do Vigário. 22/08/64; #326-11. “SAPI”.
106.  Savorelli, Fernando. 14/01/69; #004-51. “SAFE”.
107. Savorelli, Renzo. 12/06/65; #34-692. “RESA”.
108. Scanagatta, Gaetano. Sagrada Congregação dos Clérigos. Membro da Comissão de Pomei e Loreto, Itália. 23/09/71; #42-023. “GASCA”.
109. Schasching, Giovanni. 18/03/65; #6374-23. “GISCHA”, “GESUITA”.
110. Schierano, Mario. Bispo Titular de Acrida (Província de Acri em Cosenza, Itália). Chefe Capelão Militar das Forças Armadas Italianas. 03/07/59; #14-3641. “MASCHI”.
111. Semproni, Domenico. Tribunal do Vicariato do Vaticano. 16/04/60; #00-12, “DOSE”.
112. Sensi, Giuseppe Maria. Arcebispo Titular de Sardi (Ásia Menor, perto de Smyrna). Núncio Papal para Portugal. 02/11/67; #18911-47. “GIMASE”.
  Giuseppe Maria Sensi
113. Sposito, Luigi. Comissão Pontifical para os Arquivos da Igreja na Itália. Administrador Chefe da Cadeira Apostólica do Vaticano.
114. Suenens, Leo. Cardeal. Título: Protetor da Igreja de S. Pedro nas Correntes, fora de Roma. Promove Pentecostalismo Protestante (Carismáticos). Destruiu muitos dogmas da Igreja quando trabalhou em três Sagradas Congregações; 1) Propagação da Fé; 2) Ritos e Cerimônias na Liturgia: 3) Seminários. 15/06/67; #21-64. “LESU”.  
115 .   Tirelli, Sotiro. 16/05/63; #1257-9. “TIRSO”.  
116. Trabalzini, Dino. Bispo de Rieti (Reate, Perugia, Itália). Bispo Auxiliar do Sul da Roma. 06/02/65; #61-956. “TRADI”.
117. Travia, Antonio. Arcebispo Titular de Termini Imerese. Chefe das escolas Católicas. 15/09/67; #16-141. "ATRA".
118. Trocchi, Vittorio. Secretário para Laicato Católico na Constituição da Consultoria de Estado Vaticano. 12/07/62; #3-896. “TROVI”.
119. Tucci, Roberto. Diretor Geral do Rádio Vaticano. 21/06/57; #42-58. “TURO”.
120. Turoldo, David. 09/06/67; #191-44. “DATU”.
121. Vale, Giorgio. Sacerdote. Oficial da Diocese de Roma. 21/02/71; #21-328. “VAGI”.
122. Vergari, Piero. Chefe do Oficial de Protocolo da Assinatura do Ofício Vaticano. 14/12/70; #3241-6. “PIVE”.
123. Villot, Jean. Cardeal. Secretário do Estado durante o Papa Paulo VI. Ele é um Camerlengo (Tesoureiro). “JEANNI”, “ZURIGO”.
- No início de setembro de1978 o recém empossado Papa João Paulo I pediu ao seu Secretário do Estado Cardeal Jean Villot iniciar uma investigação nas operações do Banco Vaticano. Concordou também em se encontrar com a delegação de congressistas americanos para discutir sobre o controle da população mundial e da natalidade.
- Em 28 de setembro de 1978 João Paulo I apresenta ao Cardeal Villot uma lista de pessoas a serem transferidas, ou a apresentarem as suas resignações, ou demitidas. Todas as pessoas da lista eram suspeitas de serem membros do grupo Maçônico "P2", inclusive o próprio Villot.
- Em 29 de setembro de 1978 o Papa João Paulo I é encontrado morto na cama. Villot emite falsas declarações à imprensa acerca das circunstâncias envolvendo a morte, remove todas as evidências chaves do quarto do Papa e ordena que o corpo seja embalsamado imediatamente sem a autópsia... 
("Entre aqueles que ofenderam a Igreja de Roma, havia o Cardeal Jean Villot. Ele recebeu o castigo merecido." - Nossa Senhora a Veronica Lueken em 01 de julho de 1985)
124. Zanini, Lino. Arcebispo Titular de Adrianópolis, Turquia. Núncio Apostólico. Membro do Venerado Edifício da Basílica de S. Pedro. 



O Cisma da Igreja Católica Apostólica Romana com a Maçonaria, desde o início da Maçonaria Moderna (sec. XVIII).


Identifiquei os ataques ao meu blog e todas as ações estão vindo da Turquia e de um conselheiro do Vaticano.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMENTE AQUI