Google+ Badge

quinta-feira, 30 de junho de 2011

OS BEBÊS JÁ NASCEM CONDICIONADOS?


O fenômeno hippy é a forma romântica de contestação que adquire caráter violento com os estudantes. A nossa civilização é judaico-cristã, e nos somos terrivelmente condicionados, marcados, estigmatizados e traumatizados por ela desde a nossa mais maleável adolescência.
A criança é um marotinho egoísta que pouco se preocupa com o que o rodeia e aplica quase a totalidade do seu interesse sobre a sua pequena pessoa.
- Mamãe, como vim ao mundo? – pergunta ele um dia.-
- Meu querido, foi a cegonha que te trouxe!
Ou, como uma variante, o menino Jesus ou o aparecimento dentro de uma couve!
E, pronto, aí esta a criança abocanhada pelo universo de mentiras que a sua mãe será a primeira pessoa a tecer a sua volta.
- E o céu ... quem fez o céu, mamãe?
- Foi Deus, querido!
- E a erva... quem a faz crescer? –
- E também Deus!
Mas, um dia, a criança apercebe-se de que para fazer nascer o trigo é preciso botar adubos na terra, cava-la, semear, ceifar... E acaba por ver que é o próprio pai quem se encarrega do trabalho.

Ou ele reage, nunca reagirá, e será sempre insensível a toda na verdade e a toda veleidade de independência, ou então germinará uma ponta de contestação que mais tarde acabará por invadi-lo completamente.

Antes que ele saiba ler, antes que possa reagir, os pais e os mestres religiosos ou políticos trabalham a máquina de pensar da criança segundo normas bem calculadas desde há milênios.
No princípio, Deus criou o Céu a Terra.
E eis a criança, emparedada numa teia de mentiras de que jamais poderá livrar-se.

O FENÔMENO HIPPY
Este fenômeno é o sinal clínico, patológico, do fim de um sistema de civilização. Atinge naturalmente as nações mais ricas e cujo standing é o mais elevado.
Os E.U.A, desagregam-se. A  Inglaterra nunca mais poderá levantar-se. A Holanda afunda-se.
Sinais prenunciadores de um grande cataclismo.
O movimento hippy nasceu em S. Francisco, em 1965.
Descalços como os feiticeiros, ou calçados como nas casas especiais, vestidos de estranha maneira, as raparigas e os rapazes desse estranho movimento, oriundos da burguesia, recusam-se a obedecer aos pais.
 Lesados já nos seus cromossomas, são contra a guerra, o racismo, a injustiça e manifestam os seus sentimentos coroando-se de flores, simulando amá-las.
Opõem-se á filosofia hindu de não violência (que não conhecem) e a moral cristã que soçobrou. São pela liberdade do amor, e desprezam (em principio) o dinheiro.
Drogam-se parta fugir á realidade: LSD, marijuana, kiff, haxixe, e revoltam-se contra o estado fascista da sociedade.
Querem tudo, mas nada oferecem, não trabalham e aspiram bem-estar dos outros.
A sua histeria, a sua sede de milagres, têm um sentido extremamente profundo, mesmo que eles nada mais façam senão aflorar-lhe a razões: querem um Deus que se preocupe com eles!
Em Paris, interrogamos um hippy particularmente lúcido e agressivo que se dizia professor de filosofia dos seus camaradas.
- Inculco-lhes o amor do ódio – disse-nos... Ódio contra o burguês, o rico, o sacerdote.
São todos da mesma raça.
Digam mal da religião a um operário; ele aprovará ou encolherá os ombros. Mas digam o mesmo a um burguês este protestará.
Não é o amor ou a moral que sustentam a religião, mas o dinheiro dos burgueses, exaltando a velhacaria e o egoísmo.
Até as missões são subvencionadas pelo dinheiro proveniente da escravização dos brancos(operários) e por vezes com fundos secretos dos governos.
Porquê, Para servirem de pedestal a um sistema que dura há mais de dois mil anos.
                                      FONTE: Titulo original: LE LIVRE MYSTEIREUX INCONNU, Robert Lafount, 1969
  LIVRARIA BERTRAND, S.A.R.L.- Lisboa  

CONSPIRAÇÃO: POPOL VUH [MAIAS E EXTRATERRESTRES]

CONSPIRAÇÃO: POPOL VUH [MAIAS E EXTRATERRESTRES]: "Mitologia Maia A América também possui seu mito sobre o dilúvio, a mitologia Maia descreve na história do Popol Vuh onde é narrada a históri..."

quarta-feira, 29 de junho de 2011

CONSPIRAÇÃO: ALEMANHA PARA A ANTÁRTIDA

CONSPIRAÇÃO: ALEMANHA PARA A ANTÁRTIDA: "Antes de qualquer coisa, é bom esclarecermos as coisas. Primeiro : este artigo tem a função de levantar o envolvimento da Alemanha Nazista ..."

segunda-feira, 27 de junho de 2011

CONSPIRAÇÃO: INTERAÇÃO DE ALIENÍGENAS COM HUMANOS

CONSPIRAÇÃO: INTERAÇÃO DE ALIENÍGENAS COM HUMANOS: "A realidade dos alienígenas interação com os seres humanos podem ser vistos ao longo da história. No 1 º século, o estadista romano Cícero e..."

CONSPIRAÇÃO: TODA A VERDADE SOBRE OS DISCOS VOADORES

CONSPIRAÇÃO: TODA A VERDADE SOBRE OS DISCOS VOADORES: "Desde o princípio o homem tem olhado para o céu com surpresa e ansiedade. Lá no fundo, sempre suspeitamos que nossas vidas e destinos est..."

domingo, 26 de junho de 2011

OS CHINESES GOVERNARÃO O MUNDO NO FUTURO?



O GUARDIÃO DO CONHECIMENTO 


Depois da última guerra, os Americanos compravam a peso de ouro todos os manuscritos e documentos de alquimia chineses que encontravam nas livrarias na  Ásia e na Europa .

Mas a maior parte dos livros da ciência antiga chinesa não são conhecidos pelos tradutores ocidentais.


No seculo II a.C., O grande imperador budista Ashoka recebeu nove livros escritos por seus sabios que descreviam essas armas espetaculares e avançavam por anos outros domínios da ciência. Porem, coma Ashoka se opunha fortemente a guerra, ordenou que tais textos fossem destruídos, evitando assirn seu mal uso no futuro. Sabe-se apenas que certas passagens mencionariam coisas coma laghima, 0 poder de vencer a gravidade girando-se em sentido oposto aquele da mesma, e os astra, naves voadoras e seus poderes de invisibilidade e destruição. Ou ainda O garima, O poder de alterar O peso dos objetos, e talvez a sua relação espaço-tempo. Embora Ashoka tenha ordenado a destruição desses livros, parece que os monges tibetanos ainda o possuem, pelo menos em parte, e graças aos ensinamentos neles contidos são capazes de fazer levitar rochas em cerimoniais musicais proibidas aos leigos.



Foi descoberta, na região central da China, uma série fantástica de construções piramidais. São cerca de cem "pirâmides", muito semelhantes à famosa pirâmide de Chichén-Itzah, no México. Qual seria sua origem? São tão antigas, como dizem alguns pesquisadores que visitaram a região chinesa de Kin Chuan? Teriam sido criadas por extraterrestres ou são mais um legado, de acordo com a antropologia gnóstica, dos sábios atlantes? As pirâmides chinesas! Um legado extraterrestre? De acordo com a lenda chinesa, as mais de cem pirâmides descobertas na China são o legado de visitantes extraterrestres. Na virada do século, dois comerciantes australianos se encontravam numa vasta área nas planícies de Qin Chuan, na China central. Lá eles descobriram mais de cem pirâmides. Quando eles perguntaram ao guarda de um monastério local sobre elas, foi-lhes dito que, de acordo com os registros guardados no monastério, as pirâmides são consideradas muito velhas?. Visto que os registros tinham mais de 5000 anos, podemos apenas imaginar a idade das pirâmides propriamente ditas. Foi dito aos comerciantes que as pirâmides pertenciam à uma era quando os velhos imperadores reinavam na China, e que os imperadores sempre enfatizavam o fato de que eles não eram originários da Terra. Eles eram descendentes dos ?filhos do céu, que estrondosamente desceram a esse planeta em seus dragões de metal ardente?. Foi dito aos comerciantes que as pirâmides haviam sido construídas por visitantes do espaço sideral.







A Grande iniciação Chinesa

Não passa de uma hipótese, mas muito mais séria do que inicialmente pode pensar-se. Os amarelos governarão o Mundo a breve prazo. A vitória de Poitiers, em 732, foi a do ocidente; as derrotas de Dien-Bien Phu e de Khe Sanh, em 1954 e 1968, anunciaram a aparição e o reinado dos Amarelos.
A massa quase inerte dos Brancos, altamente intoxicados pela sua televisão, pelos seus automóveis, pelo seu whisky, pelo seu colesterol e pelo seu Figaro, perdeu o derradeiro triunfo no Vietnã e disso só tomará consciência com o deflagrar do comunismo maoísta.

O grande pânico surgirá um pouco mais tarde, quando a China revelar definitivamente seu desprezo pela filosofia cartesiana, pela matemáticas capitalistas e pelos computadores prescritos do Pentágono americano.Já em fins de Dezembro de 1968 o disse Mão Tse- Tung ao fazer explodir, a grande  altitude, uma miniatura bomba H, com grande surpresa dos nossos superestrategas: Caminhamos depressa em matéria de ciência nuclear, porque não utilizamos a velha ciência dos capitalistas ocidentais.As irradiações sofridas pelos Brancos através dos “écrans” de Tv, e a sua intoxicação a base de álcool e de óxido de carbono, de petardos e de canções estúpidas embrutece-os consideravelmente sem lhes trazer a menos iniciação, muito pelo contrário.

Também os chineses são intoxicados – e irreversivelmente – pelo ópio fumado e deglutido desde há milênios, o qual, por outro lado, lhes condicionou a raça, de indivíduos pequenos e magros, em geral.
Contudo os chineses são fortes e ágeis, persistentes e superiormente inteligentes. Muito mais que os Brancos e Negros, pois eles foram iniciados no ópio.Com efeito, o ópio, veneno ou reconstituinte do organismo, embora atrofie e resseque o corpo, liberta a maravilha os circuitos não utilizados do cérebro.
Em quatro milênios, os amarelos foram de tal modo traumatizados pelo veneno que são já incapazes de lhes sentir os efeitos debilitantes, beneficiando, pelo contrário, as aberturas prodigiosas que lhes suscitou no espírito.

No fim do século XX, os Chineses constituem o povo mais iniciado do globo terrestre e aspiram muito naturalmente, a dominar o mundo branco paralisado pelas suas beberragens perdidas e suas doutrinas judaico-cristãs.Mao Tse – Tung, iniciador da massa imensa dos Amarelos, como estamos convencidos, e para apressar a desagregação do mundo capitalista, lança para o mercado exterior a quase totalidade do ópio  e de outros estupefacientes fabricados na China. O dinheiro, diz ele, deve servir para comprar as coisas más. Não se compram a razão e o conhecimento com dólares ou com francos (pensamento maoísta) !
E acrescenta, julga-se no segredo das conferências de numero reduzido de pessoas: O bezerro de ouro tem de destruir-se a si mesmo, pelo seu veneno corrosivo e pela sua estupidez.
Estas palavras proféticas fazem-nos, sem duvida, passar um arrepio pela espinha mas, honestamente, não deveríamos admirar a lógica e a sabedoria dessa política?

O Bezerro de ouro capitalista envenenando-se com sua própria substancia é uma imagem que merece admiração!

Se as drogas alucinógenas deram aos chineses possibilidades excepcionais ao abrir novas galerias nos labirintos dos seus cérebros, o conhecimento foi-lhes trazido pela tradição.

É o que também pensa a nossa amiga a orientalista Frida Wion que escreve:

((Depois da última guerra, os Americanos compravam a peso de ouro todos os manuscritos e documentos de alquimia chineses que encontravam nas livrarias na  Ásia e na Europa .

Mas a maior parte dos livros da ciência antiga chinesa não são conhecidos pelos tradutores ocidentais.
Existem nas bibliotecas de Pequim, e de Nanquim e de Cantão múltiplas fontes de saber que não são estranhas ao extraordinário êxito técnico do Chineses em matéria de energia nuclear.

Iremos ainda mais longe que Fride Wion, acrescentando: o extraordinário avanço técnico dos Chineses sobre os Americanos!

Porque, no fim das contas, no que respeita a miniaturização da bomba H, os amarelos conceberam em cinco anos o que levou vinte e cinco anos de trabalho á poderosa indústria americana, alimentada pelos cofres fortes do Fort Knox e a ajuda dos “cérebros europeus”.                                                                                                                   
 FONTE: Titulo original: LE LIVRE MYSTEIREUX INCONNU, Robert Lafount, 1969
  LIVRARIA BERTRAND, S.A.R.L.- Lisboa  

sexta-feira, 24 de junho de 2011

A CHANTAGEM DO PRATO DE LENTILHAS


Existe uma predição bíblica que os exegetas parecem não ter notado e que, contudo, adquire singular importância no momento em que todo o mundo árabe se levanta contra a jovem nação de Israel.
Esta predição esta contida em uma passagem do Gênesis, que todo mundo julga conhecer e que, de fato, constitui um dos maiores mistérios da Bíblia: a história de Esaú.

Ei-la, na versão corrente da Vulgata. (Rebeca é estéril, mas Isaac, seu marido, roga ao Senhor, e a sua mulher sente dois gêmeos agitaram-se violentamente no meu ventre.

O senhor diz-lhe(G.XX-23): “Duas nações estão nas tuas entranhas, e dois povos que sairão do teu seio divididos, lutarão um contra o outro. Um desses povos dominara o outro, e o mais antigo será submetido ao mais novo. Rebeca dá a luz duas crianças, uma ruiva coberta de pelos como um animal: Esaú (=homem feito); e outra, a segunda, segurando, ao nascer, o pé do irmão, razão por que foi chamado Jacob (o que suplanta) Sabemos que Esaú se tornou exímio caçador, hábil no amanho da terra, enquanto Jacob “era um homem simples que vivia retirado em casa” Por outras palavras, Esaú trabalhava e Jacob deixava-se viver! Isaac, o justo, tem nítida preferência pelo filho mais trabalhador, mas a astuciosa Rebeca “ama Jacob’ e decide agir de modo a conseguir que Isaac lhe de uma benção, o que lhe outorgara privilégios e direito de primogênito.

Certa noite, fatigado, o bom Esaú, vindo dos campos, senta-se a mesa, mas Jacob, que prepara o prato de lentilhas, submete-o a uma chantagem odiosa: Se queres comer, vende-me os teus direitos de primogênito. 

- Esaú responde: “Se morro, de que me servirão os privilégios de primogênito?
- Jura-me então, diz lhe Jacob. E Esaú jurou e vendeu-lhe os direitos.
- E tendo tomado o pão e o prato de lentilhas, comeu, bebeu e partiu, pouco se importando com o fato de ter vendido os seus direitos de primogênito.
Eis pois o ato I da maquinação de que estava sendo vítima Esaú.
A nação de Israel – filhos de Jacob – irá, então, tornar-se ungida do Senhor, em virtude de uma chantagem seguida de extorsão de direitos?

Foi infelizmente o que veio a acontecer, se nos apoiarmos nas palavras da Bíblia.

O ABUSO DE CONFIANÇA DE JACOB

Isaac era já muito velho, “ a sua vista apagara-se de tal maneira que já não conseguia ver”. Declarou então que iria abençoar Esaú e transmitir-lhe, antes de morrer, os seus poderes.

Mas Rebeca estava atenta! Decide-se a fazer substituir Esaú por Jacob para realizar a predição do Senhor(G. XVIII).

II – Jacob responde-lhe: Mas bem sabeis que o meu irmão Esaú tem o corpo coberto de pêlos e eu não...

Em resumo, o mais novo tem medo que seu pai descubra a fraude e o amaldiçoe, mas Rebeca toma para si a maldição e ordena a Jacob que envergue o vestuário de Esaú.

Põem nas mãos, e em volta do pescoço, uma pele de cabrito recém cortada, e manda-o receber a benção paternal que lhe outorgará o seu falso direito de primogênito.

18 – Estou a ouvir-vos, diz Isaac. Qual dos dois és tu, meu filho?
19- Jacob responde-lhe: Sou Esaú, vosso filho mais velho.
20 – Aproximai-vos, meu filho, para que eu te toque e verifique se és, ou não, o meu filho Esaú.
21 – Jacob aproximou-se de sei pai, i Isaac, tendo–lhe tocado, disse: A voz é a de Jacob; mas as mãos são as de Esaú.

Isaac perguntou então:

- És o meu filho Esaú?
- Sou respondeu Jacob.
Isaac cheira, em seguida, o forte odor que a roupa de Esaú exala e, julgando reconhece-lo, da-lhe a benção, dizendo nomeadamente: “Que os povos te sejam submetidos, e as tribos te adorem. Sê o senhor dos teus irmãos, e que todos os filhos da tua mãese curvem profundamente diante de ti”

Mas o verdadeiro Esaú chega neste momento, e suplica ao pai que o abençoe, por sua vez.
Tarde demais no que respeita o direito de primogênito, todavia, Isaac consegue ainda atenuar o alcance da mistificação dizendo ao verdadeiro Esaú, (ver. 40): Sacudirás o jugo dele(Jacob), e libertar-te dele.


Em seguida Esaú é exilado para Mesopotâmia.


Desta aventura, quatro pontos devem destacar-se:

- O Senhor deu origem a uma estranha mentira, e o ramo de Israel, descendente de Jacó, viu - se - lhe confiada uma missão que começou de maneira assaz e escabrosa.

- Esaú era anormalmente coberto de pelos e exalava um cheiro muito pronunciado, o que parece ligar-se ao mistério Sheidim.

- No destino dos Hebreus figurava a submissão dos outros povos.

- Os Hebreus descendentes de Jacob serão um dia vencidos pelos descendentes de Esaú.

O desenvolvimento destes pontos revela o sentido oculto das Bíblia, o caráter da missão judaica e liga-se além disto, aos recentes acontecimentos que enlutaram o Próximo Oriente em julho de 1967.

É possível  - e lamentável – que os acontecimentos se tenham passado como descritos, mas em verdade oculta, era necessário, indispensável e benéfico que o bravo Esaú não tenha sido escolhido para suceder Isaac e tornar-se o patriarca dos Israelitas. É tudo uma questão de genética nesta aventura cujos pormenores foram curiosamente transmudados pelo tempo e pela lenda.

Em O Livro dos Segredos Traídos(Cap X, O Deus Ciumento do Povo Escolhido – Ed Laffont) revelamos a missão do povo judeu: salvaguardar a pureza da raça humana branca, posta em perigo por monstruosos e degradantes casamentos. Com toda a evidência, o Senhor – Diremos nós Iniciados perfeitamente conscientes do perigo que a jovem humanidade corria – dá prioridade a genética.

Logo que se faz sentir o mais pequeno risco de deterioração biológica: a raça humana tem que prosseguir a sua ascese, ela não deve cair em caso algum, e a etnia judia é atirada para séculos futuros como nação farol de sangue puro, campeã da raça branca, isto é ariana.

A missão dos Judeus era pois louvável e benéfica para a raça humana em geral, mas ela estava limitada no tempo e deveria acabar com o advento dos Arianos brancos do Cáucaso, da Grécia, e da Escandinávia, de sangue tão puro quanto o deles. Os Cananeus eram os ocupantes do país situado ao sul da Síria. Descendiam de Cham, filho segundo de Noé, antepassado da raça negra.

Cham (etimológicamente: ser quente, preto.) foi também o pai de Mitsraim, antepassado dos Egípcios.

Quando Esaú teve de exilar-se após a benção dada a seu irmão mais novo por engano, retirou-se para o país de Edom, sul da Palestina e a noroeste da Arábia Rochosa(Eliat, Acaba), tornado-se o fundador dos Edonitas, tradicionais inimigos dos Hebreus. Esta página da história Bíblica esclarece as teses respeitantes a presença legítima do território de Israel e da região do Golfo e Acaba(Eliat), que nunca foi destinado aos Israelitas descendentes de Jacob e aos Israelitas sucessores e que, pelo contrário, foi patrimônio de Esaú e dos descendentes cananeus e egípcios de Cham. Ao realizar-se a profecia de Isaac, devera pensar-se que os Egípcios e os povos negros vencerão finalmente os Israelitas descendentes de Jacob.

Mas com razão poder-se objetar que toda esta história pertence aos domínios da lenda, e que as profecias da Bíblia são sobretudo célebres pelos seus malogros!


CONSPIRAÇÃO: GETULIO VARGAS FOI ASSASSINADO?

CONSPIRAÇÃO: GETULIO VARGAS FOI ASSASSINADO?: "O Golpe de Getúlio Nas eleições de 1930, o candidato da oposição, Getúlio Vargas, é derrotado nas urnas. Alguns meses mais tarde, Vargas ..."

quinta-feira, 23 de junho de 2011

A FENDA DE THULE (O FANTASMA DOS POLOS)














A capital da Hiperbórea, segundo as tradições, era Thule. Que, entre os antigos, representava o extremo limite setentrional do mundo conhecido, de onde veio o seu nome de Ultima Thule.

A capital dos Hiperbóreos ocupava por conseguinte uma situação chave que sugeriu uma interessante tese a Guy Tarade, presidente do CEREYC de Nice.

Segundo Guy Tarade os pólos eram as “Portas do Cosmos” isto é, as duas chaminés de evasão do nosso globo onde inflectem as cinturas de Van Allen, cujas camadas radioativas são temidas pelos cosmonautas.
De resto, o mesmo dizia o patriarca Enoch, que antes do dilúvio, visitava o país dos primeiros pais iniciadores vindos do céu, portanto cosmonautas.

Essas chaminés na cintura de Van Allen seriam, segundo Guy Tarad, o caminho de chegada e de partida dos iniciadores antigos. Que se essas cinturas de partículas já não nos protegessem, a Terra seria submetida a um bombardeamento cósmico gerador de transmutações perigosas.

Felizmente elas estão lá, bem colocadas no seu lugar pelo campo magnético terrestre.

Ora, um grito de alarme foi lançado no Congresso Oceânico de Moscou, em Maio de 1966, pelos físicos americanos Heezen e Bruce. Estes sábios tinham verificado pelo estudo das “bússolas fósseis” do fundo dos mares que outrora se produzia uma inversão total dos pólos e que o magnetismo atual estava em vias de degradação. Segundo os seus cálculos, dentro de dois mil anos ele não existiria mais, e longas séries de cataclismos poriam em perigo a evolução normal das espécies do nosso globo.

 Pode-se imaginar que foi por uma razão análoga que uma humanidade extraterrestre foi outrora forçada a emigrar e que, temendo uma repetição do fenômeno, tenha escolhido o pólo norte da Terra para aí se instalar.

Acresce que, se esses viajantes do espaço – que chamamos Hiperbóreos – eram detentores de uma ciência superior á nossa, o que é provável, eles recebiam dessa posição chave a possibilidade de (captar) no sistema nervoso do globo – as correntes telúricas  - uma energia capaz, em certa medida, de condicionar o comportamento humano.

É exatamente o que, nos nossos dias, se passa com a televisão, que modela, conforme o arquétipo de cada nação, o comportamento psicológico dos telespectadores.
A situação geográfica dos Hiperbóreos permitia-lhes, nesse aspecto, serem verdadeiramente os Senhores do Mundo.

Pensa-se que uma guerra atômica, relatada pelos Maias e os Hindus, os fez enfrentar os civilizadores orientais da Terra de Mu, residindo a origem do conflito, sem dúvida, no pólo norte.

É perturbador verificar-se que ainda nos nossos dias, duas grandes potências atômicas, uma situada parcialmente sobre a antiga Atlântida, e a outra englobando territórios da antiga Terra de Mu, disputam a posse do Pólo Norte, cuja capital, no nosso século XX, ostenta milagrosamente o nome de Thule!

Também a Terra possui os seus cromossomas – memórias, e o que foi é idêntico ao que há - de ser.


O primeiro cientista conhecido por escrever sobre a vida no interior da Terra era William Reed, que publicou um livro intitulado "The Phantom of the Poles" em 1906. Em seguida, um outro livro em 1913, re-editado em 1920, foi publicado por Marshall B. Gardner. Era evidente que ele não sabia do livro de Reed e ainda com sua própria pesquisa, ele repetiu os resultados publicados por William Reed. Este livro foi intitulado: "Uma Viagem ao Interior da Terra". Gardner foi o primeiro escritor para explicar a existência de um sol central no interior da Terra. Ele mesmo construiu um modelo de trabalho da Terra oca e patenteou-o (# 1096102). Ambos os livros basearam as suas conclusões sobre os relatórios dos exploradores árticos.

Dois outros livros interessantes que estão disponíveis como livros usados on-line e em lojas de livros são: "Mundos Além dos Pólos" (1959), escrito por F. Amado Giannini e "Subterranean Worlds: 100.000 anos de dragões, anões, os mortos, perdeu as raças e UFOs do interior da Terra "(1989), escrito por Walter Kafton-Minkel.

Um livro de Dr. Raymond Bernard "apareceu em 1964, a Terra Oca. Segundo o Sr. Bernard nosso mundo é oco, com a crosta da terra, sendo 800 quilômetros de espessura. Existe duas aberturas no Norte e Pólo Sul, cada buraco com um perímetro de 1400 quilómetros de largura. No centro da Terra não é um núcleo fundido, mas um sol interior que está 600 milhas de largura e 2.900 milhas de superfícies internas. O diâmetro do lábio na abertura nos pólos é de 1200 quilómetros de extensão, assim, uma pessoa não pode ver o outro lado da abertura

Estes importantes, livros bem documentados são completamente ignoradas pelo mundo da ciência. 

Em fevereiro de 1947, o contra-almirante Richard E. Byrd, levando uma Marinha dos Estados Unidos Task Force expedição viajou durante sete horas além do Pólo Norte e chegou a um lugar nunca antes registrado na história. Eles então começaram a penetrar na região oca da Terra há cerca de 1700 milhas. Lá ele encontrou uma terra que era verde e exuberante com plantas, flores e florestas densas. Nove anos depois, 13 de janeiro de 1956, o mesmo almirante Byrd, conduzindo uma expedição oficial à Antártica, voou de sua base de McMurdo Sound, que fica a 400 quilômetros do Pólo Sul e entraram na região do oco da Terra, perto do Pólo Sul , para 2.300 milhas.

Em 13 de marco de 1956 o Almirante Byrd voltou para os Estados Unidos e disse, "a expedição presentes abriu uma vasta terra nova". (Que mais tarde referido como um "continente encantado no céu.")

Estas explorações foram divulgadas na rádio naquele momento, ter significado no mundo inteiro. Embora milhões de pessoas ouviram a anúncios e comunicados de imprensa, o Governo dos EUA decidiu estritamente censurar a informação e impedir sua circulação. Nenhum detalhe adicional foi dado e os relatórios do contra-almirante Byrd foram ignoradas pela "ciência" e mantido em segredo pelo governo dos EUA.

No entanto, alguns estudiosos estavam cientes dos diários do almirante Byrd e divulgado no rádio em 1959, as informações que foram descobertas durante uma expedição Byrd. Algumas das informações é a seguinte:

A Terra tem um espaço oco no seu interior, onde uma civilização inteira de pessoas vivem.
Essas pessoas são mais espiritualmente e tecnologicamente avançados, em seguida, os seres humanos que vivem na superfície da Terra.

Dentro da parte oca da Terra há um sol central que brilha continuamente, criando perpétua dia. Não há noite. Não há gelo.

O calor do sol é o que contribui para os ventos quentes do Ártico na superfície que parece inexplicável para os exploradores e cientistas.

O clima do mundo interior da Terra é sub-tropical, com vegetação exuberante crescimento. Há lagos com água morna.

As pessoas que ali vivem, por vezes, deixar o interior da Terra e viajar para além do nosso planeta. Eles têm a tecnologia para ir e vir sem ser detectado.

Esta área oca é pelo menos 6000 milhas ou mais de diâmetro.

Almirante Byrd não estava sozinho nessas descobertas, outros comandantes da Marinha dos EUA, como tenente-comandante David Bunger em 1947 estavam fazendo a mesma exploração e encontrar a terra além dos pólos. A informação foi escondida como Top Secret. Um jornal de Toronto, Canadá, publicou imagens fotográficas tirado do ar mostrando belos vales verdes com colinas levemente inclinadas.

("Globe and Mail", jornal, fotografia tirada em 1960)

Em 2005, Steven Currey Expedições prevista uma expedição ao Pólo Norte para explorar uma possível abertura para o interior da Terra. A. Brooks Agnew assumiu como líder na morte Currey, em 2006, com o plano de levar 100 comunicadores, cientistas e cineastas para a abertura do Ártico em 2009.
Entende-se que os monges tibetanos sabe de vagas para a Terra. Outros autores têm proposto que os Mestres Ascensos da sabedoria esotérica habitam cavernas subterrâneas. Alguns dos locais Acredita-se que as entradas para outro mundo no interior da Terra são acessíveis na Antártida, o Pólo Norte, no Tibete, os Himalaias, Peru, Bolívia, Cordilheira dos Andes; Whitney Mount Shasta e Monte, na Califórnia, Montanhas Rochosas, no Colorado; Grand Tetons em Wyoming, o Vale do Segredo perto de Tucson, Arizona, e do Monte Fuji, no Japão.


Agora, há uma série de livros interessantes publicados sobre este assunto. Encorajo-vos a ler sobre as pessoas que compartilham este planeta conosco. O tempo está se aproximando quando eles estarão dispostos a abrir seu mundo para top-siders. Eles exigem que somos um povo pacífico e gentil antes de entrar em sua civilização idílica.

Dois outros livros interessantes que estão disponíveis como livros usados on-line e em lojas de livros são: "Mundos Além dos Pólos" (1959), escrito por F. Amado Giannini e "Subterranean Worlds: 100.000 anos de dragões, anões, os mortos, perdeu as raças e UFOs do interior da Terra "(1989), escrito por Walter Kafton-Minkel.

FONTE: Titulo original: LE LIVRE MYSTEIREUX INCONNU, Robert Lafount, 1969
LIVRARIA BERTRAND, S.A.R.L.- Lisboa
         http://thesymzonian.wordpress.com/2012/11/05/the-phantom-of-the-poles-evidence-for-hollow-earth/
  

CONSPIRAÇÃO: A ESCOLA DE ANTIGOS MISTÉRIOS [ NIMROD]

CONSPIRAÇÃO: A ESCOLA DE ANTIGOS MISTÉRIOS [ NIMROD]: "A ESCOLA DE ANTIGOS MISTÉRIOS Um resumo, De NINRODE aos dias atuais e futuros Babel não era apenas uma torre construída em pedras; era ..."

quarta-feira, 22 de junho de 2011

CONSPIRAÇÃO: AKAKOR A CIDADE PERDIDA DA AMAZONIA

CONSPIRAÇÃO: AKAKOR A CIDADE PERDIDA DA AMAZONIA: " Atrás da cortina de mentiras imposta pelo nosso governo durante a segunda guerra HITLER despachara um submarino equipado com aviões anfíb..."

CONSPIRAÇÃO: PILOTO DA FAB AVISTOU PIRÂMIDES NA AMAZÔNIA

CONSPIRAÇÃO: PILOTO DA FAB AVISTOU PIRÂMIDES NA AMAZÔNIA: "PILOTO DA FAB AVISTOU PIRÂMIDES NA AMAZÔNIA Vejam o depoimento do Coronel Holanda da FAB Durante essa época, o senhor tomou conhecim..."

CONSPIRAÇÃO: NAZCA SINAIS ESTRANHOS PARA O ESPAÇO SIDERAL

CONSPIRAÇÃO: NAZCA SINAIS ESTRANHOS PARA O ESPAÇO SIDERAL: "No Altiplano dos Andes, bem ao sul do Peru, situa-se um dos maiores mistérios de toda a Terra: O chamado Planalto de N..."

CONSPIRAÇÃO: OS GEOGLIFOS DO ACRE "SINAIS PARA O CÉU"

CONSPIRAÇÃO: OS GEOGLIFOS DO ACRE "SINAIS PARA O CÉU": "Derrubando milhares de hectares de floresta para semear suas pastagens, os fazendeiros e colonos que se instalaram nos vales dos Ri..."

terça-feira, 21 de junho de 2011

CONSPIRAÇÃO: "O GRANDE ARQUITETO DO UNIVERSO"

CONSPIRAÇÃO: "O GRANDE ARQUITETO DO UNIVERSO": "III – Uma das finalidades desse estudo é firmar e confirmar o princípio fundamental – landmark, rule, old charge, norma ou diretriz sejam c..."

segunda-feira, 20 de junho de 2011

ARQUIMEDES E O COMPUTADOR MAIS ANTIGO DO MUNDO (O Mecanismo de Antikythera)
















Ao largo de uma ilha – pescadores de esponjas do Dodecaneso retiraram do mar, no domingo de Páscoa de 1901, um salmão de metal esverdeado e restos de estatuas e vasos. Tinham assim acabado de fazer uma das mais extraordinárias descobertas arqueológicas do século. A ilha era Antikithira, entre Cítera e Creta.

Examinado pelos arqueólogos, minuciosamente despojado do seu revestimento de coral e calcário, o magma de metal verde revelou uma surpreendente arquitetura de engrenagens, rodas, balanceiros, eixos, tambores excêntricos e ponteiros delicadamente trabalhados, alojados numa caixa provida de três mostradores.
- É um relógio! – exclamam os arqueólogos – Estava numa antiga galera.
Impossível – retorquiram os membros de uma conjuração de ceticismo – É perfeita de mais para vir da antiguidade! Seria o mesmo que dizer que Péricles via as horas em um relógio de pulso!
Mas a realidade era mais extraordinária ainda, como o provaram as perícias oficiais. Tratava-se de um relógio astronômico datando de 80 a 50 anos a.C. funcionando como os do século XXI, e dando posições do Zodíaco, os movimentos das marés, as revoluções de Mercúrio, de Marte, de Júpiter e de Saturno, o ano em curso, o mês e as divisões do dia. Jamais um mecanismo tão complexo e requintado fora até então descoberto por arqueólogos!
Antes de 1901, o primeiro relógio conhecido era o do monge iniciado Gebert, feito sob o nome de Silvestre II.
E ainda hoje se ignora como ele funcionava!
O relógios antigos eram mostradores solares, ou clepsidrás a água; o primeiro relógio conhecido foi parece o do Palácio da Justiça de Paris, construído em 1370 por Henri de Vic.
O relógio astronômico de Antikithira deu um violento solavanco no bastião de preconceitos dos sábios anteriores.
Um dia próximo, os homens saberão que muito mais longe no tempo do que 2000 anos do relógio de Antikithira, físicos tinham inventado e construído relógios atômicos...
Pois o que é fantástico e incrível não poderá sê-lo por muito tempo!

FONTE: Titulo original: LE LIVRE MYSTEIREUX INCONNU, Robert Lafount, 1969
LIVRARIA BERTRAND, S.A.R.L.- Lisboa





Jerry Juliano descobriu alguns relacionamentos número surpreendente no antigo artefato conhecido como o Mecanismo de Antikythera. O objeto foi encontrado após a descoberta em 1901 de um velho navio naufragado perto da ilha de Antikythera, que está perto de Creta, no mar Mediterrâneo. O navio remonta ao primeiro século aC. O mecanismo, datados por volta do final do século II aC, foi encontrado para ser um dispositivo extremamente complexo, com muitas engrenagens e eixos. Nada tão complexo tinha sido encontrada a existir até que pelo menos mil anos mais tarde.
O Mecanismo de AntikytheraConvertendo para Números Gematria Antiga
Por Iuliano Jerry



Crédito de imagem: O Mecanismo de Antikythera Projeto de Pesquisa (copyright)
(O gráfico acima é redimensionado para mostrar os detalhes significativos)
. . . todos os trinta artes estão ligadas e podem ser transformados de uma só vez pela rotação de qualquer uma engrenagem no sistema. Eu escolhi a engrenagem (50) azul como ponto de partida e virou essa arte exatamente uma revolução, ou 360 graus. A fórmula gemátrico para este ângulo é o número sagrado 72 vezes a metade do padrão métrico 254 
(254 / 2 = 127):



 72 * 127 * = 360 graus  
este ângulo é transferido para a segunda engrenagem (50) azul por causa do seu ser auto-semelhante à primeira engrenagem (50) azul. Este ângulo também é transferida para a engrenagem (32) azul por causa de um eixo comum. O próximo passo é azul de 32) arte (o link para artes, azul (127). Este link é o famoso número sagrado alautun ciclo de tempo. . . 2304. . . e da cultura maia, asteca.




 azul (127) 2304 * = m    = 32 / 127 * 360 = 90,70866132 graus  
azul (24) 2304 * = m    = 32 / 127 * 360 = 90,70866132 graus
. que é quando você gira o motor de arranque da engrenagem (50) azul 360 graus, as artes (127) azul fica 90,70866132 graus. O azul (24) partes da engrenagem um eixo com a engrenagem (127) azul e, assim, as ações da rotação da engrenagem (127) azul. Blue 24) da engrenagem (em seguida, transfere essa rotação à engrenagem (48) azul. Este ângulo de rotação é o número gemátrico conhecido como o número do pé egípcio.. . 1152. . .
http://www.celticnz.co.nz/Clandonwebsitefiles/Clandon2a.htm        

 azul (38) 1152 * = = 32/127 * 24/48 * 360 = 45,35433066 graus  
azul (48) 1152 * = = 32/127 * 24/48 * 360 = 45,35433066 graus
azul (38) partes de um eixo de azul (48) e, portanto, transfere esse ângulo de rotação para a engrenagem chamada Sun-lo. . . amarelo (64). . . O número 19 aparece aqui não como ano do ciclo Metônico Mas como os dias! na borda das rodas de engrenagem:

 Dom artes = 36 * 19 = 32/127 * 24/48 * 38/64 * 360 = 26,92913383 graus  
. . . todas as artes verde compartilhar o mesmo ângulo de rotação da engrenagem solar. As engrenagens de laranja aparecem quando a segunda marcha com 38 engrenagens aparece como laranja (38). Ele tem o mesmo ângulo de rotação da engrenagem (38) azul:

 laranja (38) = * 1152  = 32/127 * 24/48 * 360 = 45,3543306 graus  
laranja (53) = * 1152  = 32/127 * 24/48 * 360 = 45,3543306 graus
. . . laranja (53) partes de um eixo com laranja (38) e, portanto, transfere esse ângulo de rotação de laranja (96)

 laranja (96) = 25 + m  = 53 * * 12 = 32/127 * 24/48 * 53/96 * 360 = 25,0393700787 graus  
. . . laranja (15) e laranja (27) artes eixos compartilhar com laranja (96) e, portanto, as transferências de rotação angular para a grande engrenagem roxa (223):

 violeta (223) = 53 * 12 * 27 *m/ 223 = 36 *m+360 / 223 = 32/127 * 24/48 * 53/96 * 27/223 * 360 graus  
. . . roxo (53) com bordas roxas (223), portanto, pegando uma rotação angular de:

 roxo (53) = 54 * * 6 = 32/127 * 24/48 * 27/96 * 360 = 12,7559055 graus  
roxo (30) = 54 * * 6 = 32/127 * 24/48 * 27/96 * 360 = 12,7559055 graus
. . . roxo (30) partes de um eixo de púrpura (53) e, portanto, a rotação da mesma). Purple (30) com bordas roxas (54), resultando em um ângulo de viragem do 7,086614166 graus para o roxo (54:

 roxo (54) = * 180 m  = 7,086614166 graus  
 . . . três partes outras artes, este ângulo de rotação e, assim, um mesmo eixo, roxo (20), dk verde (53), verde dk (15). dk verde (15) transfere o ângulo para dk engrenagem verde (60) e dk engrenagem verde (12) que compartilha um eixo com dk verde (60):

 dk verde (60) 180 / 4 * = m  = 32/127 * 24/48 * 15/96 * 15/60 * 360 = 1,771653542 graus  
dk verde (12) 180 / 4 * = m  = 32/127 * 24/48 * 15/96 * 15/60 * 360 = 1,771653542 graus
. . . dk verde (12) transfere o ângulo de rotação para a engrenagem último na cadeia, dk verde (60)

 dk verde (60) 9 * = = 32/127 * 24/48 * 15/96 * 15/60 * 12/60 * 360 = .354330708 graus  
. . . mostrando os ângulos de rotação, em forma de planilha: cl = CCL, no sentido anti-horário

ARTES
GEMATRIA
GEAR RATIO
 Ângulo da rotação  
 azul (50)
 72 * 127 * m  
1
360 ccl
 azul (50)
72 * 127 * m
1
360 cl
 azul (32)
72 * 127 * m
1
360 cl
 azul (127)  
* 2.304   m
32/127 * 360
90.70866132 ccl
azul (24)
* 2.304   m
32/127 * 360
90.70855132 ccl
azul (48)
* 1.152   m
 32/127 * 24/48 * 360  
45.35433066 cl
azul (38)
* 1.152   m
32/127 * 24/48 * 360
45.35433066 cl
 engrenagem solar (64) 
36 * 19 * m
32/127 * 24/48 * 38/64 * 360
26.92913383 cl
verde (32)
36 * 19 * m
32/127 * 24/48 * 38/64 * 360
26.92913383 cl
verde (32)
36 * 19 * m
32/127 * 24/48 * 38/64 * 360
26.92913383 ccl
verde (50)
36 * 19 * m
32/127 * 24/48 * 38/64 * 360
26.92913383 ccl
verde (50)
36 * 19 * m
32/127 * 24/48 * 38/64 * 360
26.92913383 cl
laranja (38)
* 1.152 m
32/127 * 24/48 * 360
45.35433066 ccl
laranja (53)
* 1.152 m
32/127 * 24/48 * 360
45.35433066 ccl
laranja (96)
 53 * 12 * = 25 +m  
 32/127 * 24/48 * 53/96 * 360  
25,0393700787 cl
laranja (15)
53 * 12 * = 25 +m
32/127 * 24/48 * 53/96 * 360
25,0393700787 cl
laranja (27)
53 * 12 * = 25 +m
32/127 * 24/48 * 53/96 * 360
25,0393700787 cl
roxo (223)
53 * 12 * 27 *m/ 223
 32/127 * 24/48 * 53/96 * 27/223 * 360  
3,031672609 ccl
roxo (53)
54 * 6 * m
32/127 * 24/48 * 27/96 * 360
12.7559055 cl
roxo (30)
54 * 6 * m
32/127 * 24/48 * 27/96 * 360
12.7559055 cl
roxo (54)
180 *  m
32/127 * 24/48 * 27/96 * 30/54 * 360
7,086614166 ccl
roxo (20)
180 *  m
32/127 * 24/48 * 27/96 * 30/54 * 360
7,086614166 ccl
roxo (60)
60 *  m
 32/127 * 24/48 * 27/96 * 30/54 * 20/60 * 360  
2,362204722 cl
roxo (15)
60 *  m
32/127 * 24/48 * 27/96 * 30/54 * 20/60 * 360
2,362204722 cl
roxo (60)
15 *  m
 32/127 * 24/48 * 27/96 * 30/54 * 20/60 * 15/60 * 360  
.59055118 Ccl
 dk verde (53)
180 m *
32/127 * 24/48 * 27/96 * 30/54 * 360
7,086614166 ccl
dk verde (15)
180 m *
32/127 * 24/48 * 27/96 * 30/54 * 360
7,086614166 ccl
 dk verde (60)
180 / 4 m *
32/127 * 24/48 * 15/96 * 15/60 * 360
1,771653542 cl
 dk verde (12)
180 / 4 m *
32/127 * 24/48 * 15/96 * 15/60 * 360
1,771653542 cl
 dk verde (60)
m *
32/127 * 24/48 * 15/96 * 15/60 * 12/60 * 36
0,354330708 ccl
. . . como é que esses dados referem-se a lua-interação terra? Pode-se observar que a última marcha na cadeia de rotação de 360 graus, azul (32). . . se faz esse tipo de arte análogo ao ciclo lunar lua. . . 29.530588 dias em uma órbita em torno da Terra, depois azul (32) e do ciclo lunar partes de um eixo que gira 360 graus. Transferindo essa rotação de 360 graus do ciclo lunar para o ciclo da terra em torno do sol. . . 365.246743 dias em um ano tropical, sobre este eixo ciclo da terra, coloque os 5 conjuntos de 47 (235) marcações dos mostradores exterior do dispositivo sobre o eixo de rotação da terra e multiplicar pela métrica m:

 29.530588 / 365.2467463 * 5 * 47 ** 36 = 26,92913386 graus = 19 * 36 * m = engrenagem solar (64)  
29.530588 / 365.2467463 * 235/254 = 26,92913386 graus = 19 * 36 * m   = engrenagem solar (64)
. . . este é exatamente o ângulo girado pela engrenagem solar quando a engrenagem (50) o azul é rodado uma vez! Verificar o número de constantes que eu queria ver se o número 37 é em qualquer lugar do ângulo de rotação ou no número de engrenagens. Estranhamente, ele se senta no coração do / link Lua da Terra. Quando o ciclo lunar 29.530588 dias é rodado uma vez (360 graus) sobre o ciclo da Terra. . . 365.246743 dias. . . um ângulo de rotação é gerada na borda do ciclo da Terra:

 29.530588 / 365.246743 * = 360 graus de rotação da Terra disco órbita = 29,10638332  
. . . 37 decorre este ângulo através do 47 marcas na marca fora do dispositivo:

 ((37 ^ 2) - 1) / 47 = 29,10638332 graus  
. . . o que significa que o formulário 37 pode gerar o ângulo engrenagem solar para todas as artes verde:

 ((37 ^ 2) - 1) / 47 * 235 / 254 = 26,92913386 graus = 36 * 19 * m  
. . . são os outros planetas representado no mecanismo de Antikythera? A configuração é relacionada ao número gemátrico. . . 1152, 2304, 180, 36. . . Etc. . .multiplicado pela métrica moderna polegadas conversão constante. .. m = 39.3700787 / (10 ^ 3). . . e os números estão representando a arte de corrigir a relação de marchas e simbólico da, Lua e Terra associações Sun às suas respectivas órbitas em torno do Sol medido em dias terrestres. A medida crítica aqui é a associação das engrenagens da engrenagem nas rodas de órbitas planetárias medido em dias terrestres. Outros que a lua, planetas mais brilhantes no céu e seu dia medido ano tropical da Terra em uma órbita são os seguintes: (Wikipedia)

 VENUS = 224,70069 dias. . . utilizado na fórmula 224.6842679
 MARS = 686,96 dias. . . utilizado na fórmula 686.9439531
 JÚPITER = 4333.2867 days
 MERCÚRIO = 87,96955 dias. . . utilizado na fórmula 87.96497629  
 TERRA = 365.2467463 days
. . . descobriu-se que o rácio de Vênus à Terra multiplicado pelo (64) engrenagem solar foi a origem do valor da métrica m:

 VÊNUS / TERRA dom * (64) / (10 ^ 3) = m 
. . . se o aparelho de Vênus 224.6842679 (imaginário) é girada 360 graus ao lado da engrenagem da Terra 365,246742 (imaginário), então esse ângulo de rotação da engrenagem solar de 64 reais) de rotação (uma vez que é ligado ao mesmo eixo como a engrenagem da Terra. Sun engrenagem de rotação é transferido para uma engrenagem imaginária com uma circunferência de (10 ^ 3). Este valor é m e é uma percentagem, não um ângulo de rotação. Para encontrar o ângulo de rotação de 10 ^ 3 artes multiplicar por 360 ou m * 360 graus é igual ao ângulo de volta o trem de escalar 10 ^ 3, quando a órbita de Vênus (artes) é girado uma volta de 360 graus. A única coisa real na equação é a engrenagem solar (64). Esta arte é a chave do dispositivo de Antikythera a uma explicação dos, Júpiter e Mercúrio orbita Marte. Como esta fórmula foi descoberta, não posso deixar de comentar que "apareceu" depois de trabalhar com a Sun é a relação de marchas e as órbitas planetárias. Esta descoberta vai para o coração de quão imensamente impressionante dispositivo mecânico é e como, quem construiu tinha um conhecimento da astronomia e da pontualidade que paralelos modernos de medição. O primeiro planeta, Mercúrio, está ligado a dispositivo (224) a engrenagem que fica em cima da engrenagem solar (64) por meio da métrica constante m:

 MERCÚRIO / 224 + 10 * 0,001 = m 
. . . os 10 tetrakys é a chave para a compreensão do restante do planeta orbita Marte e Júpiter. Se você girar a engrenagem de Marte (686.9439531) exatamente uma revolução de 360 graus, e transferir esta rotação para a engrenagem de Júpiter (4333,2867), que é ligado ao mesmo eixo como a engrenagem solar (64), e deixar a engrenagem solar (64) transferir esse ângulo de rotação para a engrenagem da Terra (365.246742), a rotação colocados sobre a engrenagem da Terra é exatamente de 10 graus! Agora, isso é incrível, todo o sistema de engrenagem planetária irá criar um logarítmica inteiro exato de rotação quando a engrenagem solar é exatamente 64. Além disso, o significado mais profundo do número alautun 2304 a partir do dispositivo é mostrada como uma relação que envolve três planeta Júpiter, Marte e da Terra!

Alautun (2304) TERRA * = Júpiter / Marte
Sumérios (36) TERRA * = Júpiter / Marte / SOL (64)
 MARTE / JÚPITER * SOL (64) / TERRA * 360 = 10 graus. . . exata  
. . . isto é, durante uma rotação da freqüência órbita de Marte, quando transferidos para a cadeia artes acima, a terra vai girar exatamente 1/36th parte da sua órbita circunferencial sobre o sol. Há vários trens de engrenagens do dispositivo de Antikythera que poderiam usar essas informações para executar essa tarefa de traduzir a mudança da órbita da Terra 1/36th de uma relação de marcha. Aqui estão algumas das engrenagens que são múltiplos de 36 com 18 como um fator:

Todas as artes verde ....................... 36 * 19 * m
 artes roxo (54) e (20 ).......... 180 * m 
dk artes verde (53) e (15) ..... 180 * m
. . . A coisa interessante sobre todas estas formas é que eles são usados na mitologia maia e no calendário de seus sistemas, como mostrado abaixo, neste site:
. . . isso é muito importante para a explicação do dispositivo de Antikythera, porque ambos os 1152 e 2304 unidades são as constantes do calendário maia medido em dias! - O mesmo que o mecanismo de Antikythera!
"A unidade do calendário maia foi o dia, ou parentes. Sequência da vigesmal sistema cronológico, 20 kins fez um uinal (ou meses), 18 uinals (a terceira posição do sistema cronológica) formaram um tonel, (ou um ano de 360 dias):

 20 tuns = 1 katun ou ciclo de 7200 dias (dispositivo de Antikythera)  
 20 katuns = 1 baktun ou ciclo de 144.000 dias
 20 baktuns = 1 pictun ou ciclo de 2880000 dias
 20 pictuns = 1 calabtun ou ciclo de 57600000 dias
 20 calabtun kinchiltin = 1 = um ciclo de 1152000000 dias (dispositivo de Antikythera)
 20 kinchiltin alautun = 1 = um ciclo de 23040000000 dias (dispositivo de Antikythera)  
. . . estes nove períodos de tempo, desde os parentes até o alautun, cada uma com seu glifo foram usados pelos maias para inscrições data nas suas medições. . . "
_____________
Investigar todos os planetas, inclusive os invisíveis, Urano e Netuno, levou à medição mais precisos das órbitas planetárias, ainda, quando colocado em um trem de engrenagens e comparadas com as revoluções original da Terra - relação Lunar. A relação Terra-Lua usa o número 19 eo Metônico constante (235) e do Saros 254) fase lunar (derivado para combinar com o dispositivo do Sol a engrenagem (64):

 Lua / Terra * 235/254 * 360 volta = ângulo de engrenagem solar (64) quando a lua engrenagem (32) rodado uma vez  
. . . incrivelmente, após investigação, todos os oito planetas do sistema solar foram encontrados para utilizar o Metônico constante (235) como a principal analogia real órbitas planetárias, quando medido em dias orbital da Terra. Estranho que o número exato para a constante de um sistema tão simples como o sistema do planeta duas da Terra e da Lua é o número exato de órbitas planetárias oito dos planetas no solar principais regiões da nossa vizinhança imediata, aqueles sob os sóis A influência gravitacional.
. . . da Wikipedia, órbitas siderais dos oito planetas. . . (. Terra, Vênus, Mercúrio são tropicais). . . dia medido em dias da Terra: todos os valores exatos de referência. . .2006

 MERCÚRIO = 87,96934 dias
 VENUS = 224.7007 days
 TERRA = 365,24199 dias
 MARS = 686,96 dias
 JÚPITER = 4333.2867 days
 SATURNO = 10756.1995 days
 URANO = 30707.4896 days
 NETUNO = 60223.3528 days  
. . . tendo o erro para a órbita de Netuno, deixando os outros planetas exato, desvia-se o valor calculado por apenas 2,43 horas em 164,9 anos, um pequeno erro extremamente partir do valor constante Metônico. Iniciando o trem de engrenagens com Mercúrio e terminando com Netuno. . . como se segue: Estas partes eixos planetas. . . Terra e Vênus, Saturno e Marte, Júpiter e Urano, estes planetas são adjacentes uns aos outros: Mercúrio e Terra, Vênus e Saturno, Marte e Júpiter, Urano e Netuno: No trem de engrenagens Metônico o imaginário da engrenagem é apenas 10.700, uma vez artes 54 e 5 séries de 47 escalares sentar ou no próprio dispositivo.

  VÊNUS MARTE MERCÚRIO URANO                   235 5 * ....( 47)
* * ------------------- ----------------- ------------ -------- * = -------------------- --------------------
   SATURNO JÚPITER TERRA NEPTUNE 10.700 * 54
                                                                               (60223.25496)
. . . claro a origem do número 235 Metônico é a escala de 47 unidades em grupos de 5. . . (235/47 = 5). . . que fica na escala interna do dispositivo. O número 10700, a engrenagem do trem imaginário transforma embora m, a 0,0393700787) fator de conversão (métrica para replicar o trem azul (127) de rotação no dispositivo:

10700 = 20 * 127 * 107 m
. . . assim que a analogia é isso, Mercúrio é equivalente ao menor factor da relação Metônico, que é 5, assim a rotação de 5 a 360 graus, assim, de rotação de Mercúrio é de 360 graus para começar o trem de engrenagens planetárias. 10700 é o maior número na cadeia Metônico, que é equivalente a da órbita de Netuno, o maior da órbita das órbitas planetárias. 47 e 54 representam dois planetas interiores. . . Saturno e Júpiter, e também observar como o feminino planetas Vênus e Saturno estão emparelhados, enquanto os planetas masculinos, Marte e Júpiter também estão emparelhados. Fantástico que os planetas exteriores são totalmente invisíveis sem a ajuda de grandes telescópios, levando a pensar que tanto o dispositivo é uma fraude ou o exato planetária dados orbitais foi dado aos fabricantes do dispositivo de antemão. . .
J. Iuliano        
Enviada por e-mail 03 de janeiro de 2007
Adenda enviadas 19 de janeiro de 2007
Links
O dispositivo de computação Antikythera
O mais complexo instrumento da Antiguidade
Mecanismo de Antikythera
Estranha Artefatos
Gears dos gregos
O Mecanismo de Antikythera - um computador astronômico antigo?
(Fotos em closeup muitos)
---

FONTE: Titulo original: LE LIVRE MYSTEIREUX INCONNU, Robert Lafount, 1969
LIVRARIA BERTRAND, S.A.R.L.- Lisboa