[Rodrigo Veronezi Garcia] Google+ Rodrigo Veronezi Garcia+ Google Google AS TEORIAS DA CONSPIRAÇÃO DE RODRIGO VERONEZI GARCIA : OS ANJOS DE PUNIÇÃO “ Leviathan, Behemoth’ href=https://plus.google.com/u/0/+RodrigoVeroneziGarciarodrigoenok rel=publisher

Google+ Badge

sábado, 6 de março de 2010

OS ANJOS DE PUNIÇÃO “ Leviathan, Behemoth’







Cristo efetua a ressurreição de todos os homens – Os mortos que foram justos vão para o paraíso; e os que foram iníquos, para as trevas exteriores, a fim de aguardarem o dia de sua ressurreição – Na ressurreição todas as coisas serão restauradas na sua própria e perfeita estrutura.

Aproximadamente 74 a .C

Eis que digo que não há ressurreição – ou diria, em outras palavras, que este corpo mortal não se reveste de imortalidade, que esta corrupção não se reveste de incorrupção. Eis porem que a ressurreição não é para já. Ora, revelo-te um mistério; não obstante, há muitos mistérios que permanecem ocultos, e que ninguém conhece, a não ser o próprio Deus. Eis que há uma hora designada, em que todos se levantarão dentre os mortos. Ora deve haver um espaço entre a hora da morte e a hora da ressurreição. E agora perguntaria: O que acontece com a “alma dos homens desde essa hora da morte até a hora designada para a ressurreição? E se há mais que uma hora designada para os homens ressuscitarem, não importa, por quanto não morrem todos ao mesmo tempo e isto não importa; tudo é como um dia para Deus e o tempo somente é medido pelos homens. E agora o que é feito da alma dos homens durante este espaço de tempo é o que perguntei diligentemente ao Senhor; e isto é uma coisa que eu sei. Ora, com relação ao estado da alma entre a “morte e a ressurreição – eis que me foi dado por um anjo que o espírito de todos os homens, logo que deixa o corpo mortal, sim, o espírito de todos os homens, sejam eles bons ou maus, é levado de volta para aquele Deus que lhes deu vida. E então acontecerá que o espírito daqueles que são justos será recebido num estado de felicidade, que é chamado de parais, a um estado de descanso, um estado de paz, onde descansará de todas as suas aflições e de todos os seus cuidados e tristezas. Mas afirmo que isto será por ocasião de sua ressurreição ou depois; digo apenas que há um “espaço de tempo” entre a morte e a ressurreição do corpo; e um estado de alma, em felicidade ou miséria, até a hora designada por Deus para que os mortos se levantem e corpo e alma sejam reunidos e levados a presença de Deus para serem julgados segundo suas obras. A “alma” será restituída ao corpo e o corpo a alma; sim, e todo membro e junta serão restituídos ao seu corpo; sim, nem mesmo um fio de cabelo da cabeça será perdido, mas todas as coisas serão restauradas na sua própria e perfeita estrutura. Estes são os remidos do Senhor; sim, aqueles que são retirados, que são libertados daquela interminável noite de trevas; e assim se mantêm ou caem, pois eis que são seus próprios árbitros para fazerem o bem ou o mal. Mas eis que uma horrível morte sobrevém aos iníquos pois morrem quanto as coisas pertinentes a retidão, porque eles são impuros e nenhuma coisa impura pode herdar o reino de Deus, são, porém expulsos e designados a partilhar os frutos de seus labores ou de suas obras, que foram más; e eles bebem os resíduos de uma taça amarga. E AGORA, meu filho, tenho algo a dizer sobre a restauração da qual se tem falado; pois eis que alguns desvirtuaram as escrituras e se “desencaminharam por essa razão. E agora, meu filho, todos os homens que estão num estado natural ou, em outras palavras, num estado carnal encontram-se no fel da amargura e laços da iniqüidade; vivem sem Deus no mundo e seguiram caminhos contrários a natureza de Deus; por conseguinte, estão num estado contrario a natureza da felicidade. E agora, eis que o significado da palavra restauração e tirar uma coisa do estado natural e coloca-la em um estado antinatural ou coloca-la em um estado oposto a natureza? Oh! Meu filho, não é este o caso; mas o significado da palavra restauração e restituir o mal ao mal ou o carnal ao carnal ou o diabólico ao diabólico – o bom ao que é bom; o reto ao que é reto; o justo ao que é justo.
ALMA 40:21 – 41:2


Leviathan, Behemoth


Capítulo 58


No qüinqüagésimo ano, no sétimo mês, no décimo quarto dia da vida de Enoque, naquela parábola eu vi o céu dos céus tremer, que ele tremeu violentamente e que os poderes do Altíssimo e dos anjos, milhares de milhares, e miríades de miríades, ficaram agitados com grande agitação. E quando eu olhei o Ancião de dias estava assentado no trono de sua glória enquanto os anjos e santos estavam em pé ao redor dele. Um grande tremor veio sobre mim. Meus lombos foram curvados e soltos, meus rins foram dissolvidos; e eucai sobre minha face. O santo Miguel, outro santo anjo, um dos santos, foi enviado, o qual levantou-me.
2E quando ele levantou-me, meu espírito retornou, pois eu fui incapaz de suportar essa visão de violência, sua agitação e o choque do céu.
3Então o santo Miguel disse-me: Por que estás perturbado com essa visão?
4Desde então tem existido o dia da misericórdia; Ele tem sido misericordioso e logânimo com todos os que habitam sobre a terra.
5Mas quando o tempo vier, então o poder, a punição, e o julgamento tomarão lugar, o qual o Senhor dos espíritos preparou para aqueles que se prostrarem para o julgamento da retidão, para aqueles que renunciarem àquele julgamento, e para aqueles que tomam seu nome em vão.
6Aquele dia foi preparado para os eleitos como um dia de covênio e para os pecadores como um dia de inquisição.
7Naquele dia dois monstros serão distribuidos como alimento (54), um monstro fêmea, cujo nome é Leviathan, habitando nas profundezas do mar, acima das fontes de águas;
(54) Distribuidos como alimento. Ou, "separados um do outro" (Knibb, p. 143).
8E um monstro macho, cujo nome é Behemoth, o qual possui, movendo-se em seu ventre, o deserto invisível.
9Seu nome era Dendayen. A leste do jardim, onde os eleitos e os justos habitarão, onde ele recebeu-o de meu ancestral, desde Adão o primeiro dos homens, (55) cujo homem o Senhor dos espíritos fêz.
(55) Ele recebeu-o… primeiro dos homens. Ou, "meu bisavô foi tomado, o sétimo desde Adão" (Charles, p. 155). Isto implica que esta seção do livro foi escrita por Noé, descendente de Enoque. Os estudiosos têm especulado que esta parte do livro pode conter fragmentos do perdido Apocalipse de Noé.

Chapter 53

1Então eu olhei e me virei para outra parte da terra, onde vi um profundo vale de fogo ardente.
2Para esse vale, eles levaram os monarcas e os poderosos.
3Ali meus olhos viram os instrumentos que eles fizeram, correntes de ferro sem peso.(47)
(47) Sem peso. Ou, "de imensurável peso" (Knibb, p. 138).
4Então eu perguntei ao anjo da paz que estava comigo, dizendo: Para quem essas correntes são preparadas?
5Ele respondeu: Estas são preparadas para as hostes de Azazeel, para que eles sejam entregues e julgados a uma menor condenação, e para que seus anjos sejam subjulgados com pedras arremessadas, como o Senhor dos espíritos ordenou.
6Miguel e Gabriel, Rafael and Fanuel serão fortalecidos naquele dia, e então os lançarão numa fornalha de fogo ardente para que o Senhor dos espíritos possa ser vingado pelos crimes que eles cometeram; porque eles se tornaram ministro de Satan, e seduziram aqueles que habitam sobre a terra.
7Naqueles dias punição virá do Senhor dos espíritos, e os receptáculos de água que estão acima nos céus serão abertos, e igualmente as fontes que estão sob a terra.
8Todas as águas, que estão nos céus e abaixo deles, serão reunidas e se misturarão.
9A água que está acima no céu será o agente; (48)
(48) Agente. Literalmente, "macho" (Laurence, p. 61).
10E a água que está sob a terra será o recipiente, (49) e todos os que habitam sobre a terra serão destruidos e os que habitam sob as extremidades do céu.
(49) Recipiente. Literalmente, "fêmea" (Laurence, p. 61).
11Por esses meios eles entenderão a iniquidade que cometeram na terra, e por esses meios perecerão.
Chapter 54
1Depois disso o Ancião de dias arrependeu-se, e disse: Em vão eu destrui todos os habitantes da terra.
2E ele jurou por seu grande nome, dizendo: De agora em diante eu não agirei mais assim para com todos aqueles que habitam sobre a terra.
3Mas eu colocarei um sinal nos céus; (50) e ele será uma fiél testemunha entre mim e eles para sempre, tantos quantos os dias do céu durarem sobre a terra.
(50) Cp. Gen. 9:13, "Eu colocarei meu arco na nuvem, e ele será um sinal do convênio entre mim e a terra".
4Eepois disso, de acordo com esse meu decreto, quando eu estiver disposto a prende-los antecipadamente, pela instrumentalidade dos anjos, no dia da aflição e da perturbação, minha ira e minha punição permanecerá sobre eles, minha punição e minha ira, diz Deus, o Senhor dos espíritos.
5Ó vós reis, ó vós poderosos, que habitam o mundo, vereis meu Eleito, assantado sobre o trono da minha glória. E Ele julgará Azazeel, todos seus associados, em nome do Senhor dos espíritos.
6Ali igualmente eu vi as hostes dos anjos que estavam se movendo em punição, confinadas numa rede de ferro e bronze. Então eu perguntei ao anjo da paz, que estava comigo: Para quem estes sob confinamento estão indo.
7Ele disse: Para todos os seus eleitos e seus amados, (51) para que eles possam ser lançados nas fontes e profundas fendas do abismo.
(51) Para cada um dos… seus amados. Ou, "Para cada um de seus escolhidos e para os seus amados" (Knibb, p. 139).
8E aquele vale será cheio com seus eleitos e amados; os dias cuja vida serão consumados, mas os dias de seus erros serão inumeráveis.
9Então príncipes (52) se combinarão e juntos conspirarão. Os chefes do leste, entre os Partos e Medos, removerão reis, nos quais um espírito de perturbação entrará. Ele os lançará de seus tronos, saltando como leões de seus esconderijos, e como lobos famintos no meio do rebanho.
(52) Príncipes. Ou, "anjos" (Cha0rles, p. 149; Knibb, p. 140).
10Eles subirão e pisarão na terra de seus eleitos. A terra de seus eleitos estará diante deles. The threshing-floor, o caminho, e a cidade do meu povo justo impedirá o progresso de seus cavalos. Eles se levantarão para destruir uns aos outros; sua mão direita se estenderá; o homem não conhecerá seu amigo ou seu irmão;
11Nem o filho de seu pai ou de sua mãe; até que o número dos corpos de seus mortos sejam completados, pela sua morte e punição. Nem isto acontecerá sem causa.
12Naqueles dias a boca do inferno será aberta, na qual eles serão imersos; o inferno destruirá e tragará os pecadores da face dos eleitos.


O LIVRO DE ENOCH

Capítulo 51

1 - Depois desse tempo, no lugar onde eu havia visto toda visão secreta, fui arrebatado em um redemoinho de vento e transportado para o oeste.


2 - Lá meus olhos viram os segredos do céu e tudo o que existe na terra; uma montanha de fogo, uma montanha de cobre, uma montanha de prata, uma montanha de ouro, uma montanha de metal fundido, e uma montanha de chumbo.


3 - E eu perguntei ao anjo que foi comigo, dizendo: O que são estas coisas, que em segredo eu vi?


4 - Ele disse: Todas as coisas que tu viste serão para o domínio do Messias, para que ele possa comandar e ser poderoso sobre a terra.


5 - E aquele anjo de paz respondeu-me dizendo: Espera um pouco de tempo e entenderás, e cada coisa secreta te será revelada, o que o Senhor dos espíritos tem decretado. Aquelas montanhas que tu viste, a montanha de ferro, a montanha de cobre, a montanha de prata, a montanha de ouro, a montanha de metal fluido e a montanha de chumbo, todas estas na presença do Eleito serão como o favo de mel diante do fogo, e como a água descendo de cima sobre estas montanhas, e se tornarão debilitadas diante de seus pés.


6 - Naqueles dias os homens não serão salvos por ouro e por prata.


7 - Nem eles o terão em seu poder para assegurar-se, e voar.



ESPÍRITO.


A parte do ser vivo que existe antes do nascimento mortal, que vive no corpo físico durante a mortalidade e que existe depois da morte como ser preparado após a ressurreição. Todos os seres vivos – os homens animais e plantas – foram espíritos antes que qualquer forma de vida existisse na Terra (Gen. 2:4 – 5; Mois. 3:4 –7) O corpo espiritual têm a mesma aparência do corpo físico (Né. 11:1; Ét. 3:15 – 16; D&C 77:2; D&C 129). Espírito é matéria, porém mais fina e pura que os elementos ou matéria mortal D%C 131:7). Todos nós somos literalmente filhos e filhas de Deus, tendo nascido como espírito, de Pais Celestiais, antes de nascer de pais mortais aqui na Terra(Heb.12.9) Cada pessoa que vive ou tenha vivido na Terra tem um corpo espiritual imortal além do corpo de carne e ossos. De acordo com o que esta definido algumas vezes nas escrituras, o espírito e o corpo físico juntos constituem a alma. (D&C 88:15; Gen. 2:7; Mois. 3:7,9,19;Abr.5:7) O espírito pode viver sem o corpo físico, mas o corpo físico não pode viver sem o espírito (Tg. :26). A morte física é a separação entre o espírito e o corpo. Na ressurreição o espírito é unido novamente ao mesmo corpo físico de carne e ossos que possuía quando era mortal, com duas diferenças principais: nunca serão separados novamente e o corpo físico será imortal e perfeito (Al. 11:45; D&C 138:16-17).


ANJOS

Há duas espécies de seres nos céus, chamados anjos: os que são espíritos e os que possuem corpo de carne e ossos. Os anjos que são espíritos são seres que ainda não obtiveram um corpo de carne e ossos ou são aqueles que já tiveram um corpo e aguardam a ressurreição. Os anjos que têm corpo de carne e ossos foram ressuscitados ou são seres transladados.
As escrituras também falam de anjos do diabo. São os espíritos que seguiram Lúcifer e foram expulsos da presença de Deus na vida pré-mortal e lançados a Terra (Apoc. 12.1 –9; Né.9:9, 16;D&C 29:36 – 37).

Um comentário :

  1. Quem é melhor: o que diz prontamente faço, e depois não faz, ou o que diz não farei, e depois faz?

    ResponderExcluir

COMENTE AQUI